Mais Esportes

enhanced by Google
 

Zanetti e Diego Hypolito ganham medalhas no Mundial

O Brasil conquistou duas medalhas neste sábado nas finais por aparelhos do Mundial de ginástica, no Japão

AE | 15/10/2011 09:14

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

selo

O Brasil conquistou duas medalhas neste sábado nas finais por aparelhos do Mundial de ginástica, que está sendo realizado em Tóquio, no Japão. Arthur Zanetti ficou na segunda colocação na disputa das argolas e Diego Hypólito, que possui dois títulos mundiais, terminou em terceiro lugar no solo. Jade Barbosa garantiu o quarto lugar na final do salto.

Os resultados obtidos neste sábado garantiram a classificação de Diego Hypólito e Arthur Zanetti para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. E apesar do Mundial de ginástica prosseguir no domingo, a participação brasileira está encerrada, já que os atletas do País não se classificaram para as cinco últimas finais do torneio.

LEIA MAIS: Pan 2011 já começou. veja como foi a festa de abertura

Assim, o Brasil termina a sua participação no Mundial de ginástica com duas medalhas conquistadas, por Diego Hypólito e Arthur Zanetti, e quatro finais disputadas. Além das três deste sábado, Daniele Hypólito participou na quinta-feira da final do individual geral. Já as seleções brasileiras masculina e feminina de ginástica artística se classificaram para o pré-olímpico.

Conquista histórica
Medalha de ouro na Universíade, Arthur Zanetti escreveu de vez o seu nome na história da ginástica artística brasileira ao ser vice-campeão mundial na disputa das argolas, a primeira do Brasil nesse aparelho. Segundo colocado nas eliminatórias, ele repetiu o resultado na final ao somar 15,600 pontos na sua apresentação.

A disputa das argolas foi vencida pelo chinês Chen Yibing, que faturou o seu quarto título mundial da prova. O atual campeão olímpico das argolas fez 15,800 pontos na sua apresentação. Neste mundial, ele já havia faturado uma medalha de ouro na disputa por equipes. O japonês Koji Yamamuro ficou com a medalha de bronze, com 15,500 pontos.

Foto: AP

O brasileiro Arthur Zanetti, o chinês Chen Yibing e o japonês Koji Yamamuro no pódio

Protesto no solo
Neste sábado, Diego Hypólito foi o primeiro ginasta a se apresentar no solo e somou 15,466 pontos. Um dia após conquistar o tricampeonato do individual geral, Kohei Uchimura disputou a final do solo e garantiu nova medalha de ouro. Inicialmente, porém, a apresentação do japonês lhe rendeu 15,433 pontos.

VEJA AINDA: Mais notícia sobre ginática no canal do iG Esporte

Foto: AP Ampliar

Medalha não empolgou Diego Hypolito

A pontuação foi alvo de protesto da comissão técnica japonesa. A nota, então, foi revisada para 15,633 pontos, o que garantiu o título de Uchimura. O chinês Zou Kai, atual campeão olímpico do solo, ficou com a medalha de prata, com 15,500 pontos. Já o israelense Alexander Shatilov fez 15,466 pontos. Exatamente com a mesma pontuação de Diego Hypólito, ele dividiu a terceira colocação com o ginasta brasileiro, que foi campeão mundial no solo em 2005 e 2007, além de ter faturado uma prata em 2006.

Salto sem medalha
Dona de duas medalhas de bronze em Mundiais, Jade Barbosa não conseguiu subir ao pódio em Tóquio, neste sábado, na disputa da final do salto. No seu segundo salto, a brasileira torceu o pé esquerdo e teve dificuldades para se manter em pé, o que afetou a sua nota. Assim, ela obteve 14,566 pontos e ficou na quarta colocação.

A norte-americana McKayla Maroney faturou a medalha de ouro no salto, com 15,300 pontos. A alemã Oksana Chusovitina, de 36 anos, ficou com a prata, com 14,733 pontos, obtendo a sua 11ª medalha na história do Mundial de Ginástica Artística. O pódio da prova foi completado pela taiwanesa Thi Ha Thanh Phan, com 14,666 pontos.

Outros resultados
Também neste sábado, o húngaro Krisztian Berki venceu a disputa do cavalo com alças, enquanto a russa Viktoria Komova faturou a medalha de ouro nas barras assimétricas.

Com estes resultados, os Estados Unidos estão na liderança do quadro de medalhas do Mundial de ginástica, com três ouros e um bronze. Os norte-americanos são seguidos por China, com dois ouros, uma prata e três bronzes, e Japão, com dois ouros, uma prata e dois bronzes. O Brasil ocupa a sétima colocação, com a prata de Arthur Zanetti e o bronze de Diego Hypólito.

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo