Mais Esportes

enhanced by Google
 

Tom Brady desafia 'pé frio' de Gisele para coroar década do Patriots

Quarterback tenta liderar o New England ao quarto título do Super Bowl neste domingo contra o New York Giants

Rodrigo Farah, iG São Paulo | 05/02/2012 07:04

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Foto: Getty Images Ampliar

Tom Brady não ganhou o Super Bowl desde que conheceu Gisele Bündchen

O quarterback Tom Brady terá a chance de entrar para história liderando o New England Patriots rumo ao quarto título do Super Bowl – decisão da liga de futebol americano. Mas para derrotar o New York Giants às 21h deste domingo, o jogador será obrigado a superar uma espécie de “maldição” da esposa Gisele Bündchen: desde que o astro está junto da Top Model brasileira, ele não vence nenhum título da NFL.

Infográfico: Saiba tudo sobre o Super Bowl XLVI e a história do evento

O casal começou o relacionamento em 2006, quando Tom Brady já possuía os três campeonatos que ostenta no currículo. Mas desde então o quarterback mais famoso da liga acumulou uma série de derrotas emblemáticas, o que rendeu à Gisele Bündchen a imagem de “pé frio” nos Estados Unidos.

Super Bowl terá show de Madonna. Relembre apresentações do passado

“Este domingo será um dia muito importante na vida do meu marido. Ele trabalhou muito com o time para chegar a este ponto e eles precisam de nós mais do que nunca. Vamos mandar energia positiva para que eles possam realizar o sonho de vencer este Super Bowl”, afirmou Gisele em um email para amigos, que vazou para a imprensa norte-americana.

Se conseguir superar a “maldição” da esposa, Tom Brady irá se confirmar como o principal atleta de sua geração no futebol americano. Dono de uma série de recordes da NFL, ele se tornará neste domingo o quarterback com maior número participações no Super Bowl (cinco, ao lado de John Elway) e ainda poderá ganhar seu terceiro título de MVP (jogador mais valioso, em português).

Foto: Getty Images

Tom Brady tenta liderar os Patriots rumo ao quarto título

“O time como um todo teve uma grande temporada. Atingimos um nível de amadurecimento mental muito grande e vamos colocar em prática na hora do jogo. Vejo nossa classificação como fruto disso e agora tivemos uma boa semana de preparação para o último jogo da temporada”, comentou Brady.

Mas se depender do histórico contra o rival, Tom Brady terá sérias dificuldades na busca pelo tetra. Na última vez que o New Englad Patriots chegou ao Super Bowl, quatro anos atrás, o time foi superado justamente pelo Giants em uma das maiores zebras da história do torneio.

Leia ainda: ‘Coelhinhas’ fazem fotos sensuais em homenagem a jovem astro Tebow

Foto: Getty Images Ampliar

Eli Manning levou a melhor sobre Tom Brady na final de 2008

Não só isso, como o time de Nova York foi justamente o último que derrotou o New England na temporada – em novembro do ano passado, quando o Giants conseguiram a vitória de maneira emocionante no último quarto.

Veja também: Relembre os melhores comerciais da história do Super Bowl

“Não estou preocupado com meu legado e sim em conquistar o segundo Super Bowl com os Giants. Este é um esporte coletivo e você joga para seus companheiros, técnicos e fãs. Por isso, estou ansioso para a partida”, avaliou Eli Manning em discurso semelhante ao de Brady.

O Super Bowl está marcado para as 21h (horário de Brasília) com transmissão ao vivo da ESPN e do canal Esporte Interativo. Os torcedores de São Paulo também poderão assistir ao jogo na “Super Bowl Party”, organizada pelo narrador Ivan Zimmermann, na Av. Marquês de São Vicente, 1589 (ingresso a R$ 150 com comidas e bebidas).

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo