Mais Esportes

enhanced by Google
 

Multidão de fãs e colegas acompanham funeral de ciclista belga

Wouter Weylandt morreu no último dia 9 após queda no Giro da Itália. Ele tinha 26 anos e sua esposa está grávida de cinco meses

Gazeta | 18/05/2011 12:30

Compartilhar:

O ciclista Wouter Weylandt, morto no último dia 9 após uma forte queda durante o Giro da Itália, tradicional prova de ciclismo europeia, foi homenageado nesta manhã na cidade de Gent, na Bélgica. Centenas de fãs e colegas compareceram ao local para acompanhar seu funeral. O caixão de Weylandt foi carregado por seus companheiros de equipe Frank Schlek, Fabian Cancellara, Tom Boonen, Patrick Lefevere, Wilfried Peeters e Eddy Merckx.

O time Leopard-Trek havia feito homenagens durante os dias restantes de prova, na Itália. O treinador da equipe nacional, Carlos Bomans, também estava presente no enterro. Antes dos rituais familiares, que podiam ter apenas presença de parentes e amigos, era possível acompanhar o funeral, aberto à frente da capela. Com grande público comovido na igreja de Saint Peter, centenas de fãs marcaram presença para se despedir do atleta belga.

Wouter Weyland, que sofreu uma quebra brusca no Giro da Itália e não aguentou as lesões no crânio, tinha somente 26 anos e deixou sua esposa, Anne Sophie, grávida de cinco meses.

    Notícias Relacionadas


    Ver de novo