Mais Esportes

enhanced by Google
 

Contraprova confirma doping de ciclista russo na Volta da França

Alexandr Kolobnev testou positivo para a substância proibida hidroclorotiazida. É o primeiro caso na atual edição da competição

AE | 20/07/2011 12:00

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

selo

Foto: AFP Ampliar

Alexandr Kolobnev é o primeiro caso de doping da atual edição da Volta da França

A equipe Katusha de ciclismo anunciou que a contraprova do exame antidoping a que o ciclista Alexandr Kolobnev foi submetido comprovou a presença da substância proibida hidroclorotiazida. Em caso revelado no último dia 11, o russo se tornou o primeiro atleta a ser punido por doping nesta edição da Volta da França.

Segundo a UCI (União Ciclística Internacional), o teste foi feito com uma amostra de urina recolhida no dia 6 de julho, em um laboratório de Chatenay-Malabry. Kolobnev foi flagrado com doping após a quinta etapa da Volta da França, quando uma amostra de sua urina apresentou vestígios de hidroclorotiazida, um diurético que pode esconder a presença de outras substâncias proibidas.

Kolobnev estava em 69º lugar quando deixou a tradicional corrida antes do seu décimo estágio, no início da semana passada, quando o caso de doping foi anunciado oficialmente. A equipe Katusha anunciou que o atleta está afastado até a Federação Russa de Ciclismo realizar uma audiência disciplinar. Ele pode ser suspenso por até dois anos.

Mais um ciclista a ter o nome envolvido em novo caso de doping neste esporte, Kolobnev conquistou a medalha de bronze na prova de estrada dos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008.

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo