Tamanho do texto

Peso pesado ucraniano derrotou Derek Chisora por decisão unânime dos jurados, na Alemanha

Klitschko acerta golpe no rosto de Chisora
AP
Klitschko acerta golpe no rosto de Chisora
O pugilista ucraniano Vitali Klitschko manteve neste sábado seu cinturão de campeão mundial dos pesos pesados pelo CMB (Conselho Mundial de Boxe) ao derrotar, por pontos, o britânico Derek Chisora. O combate foi realizado em Munique, na Alemanha.

Veja o vídeo: Britânico dá tapa em rival durante pesagem para luta

Na véspera, durante a pesagem oficial, o desafiante criou uma grande polêmica ao dar um tapa no rosto do campeão. Pouco antes da luta, Chisora aprontou de novo: cuspiu água no rosto de Klitschko. "Chisora teve uma performance muito sólida e merece elogios pela luta. Mas, como pessoa, eu não o respeito", desabafou o ucraniano após o combate.

Klitschko, de 40 anos, fez valer sua maior experiência e administrou a luta ao longo dos 12 roundes. Os momentos de maior dificuldade para o ucraniano ocorreram no início da luta, quando claramente o britânico tentou surpreendê-lo, e nos dois últimos roundes, quando Chisora, ciente que estava em desvantagem na pontuação, buscou encaixar golpes. Em vão.

Veja também: Chisora é multado por tapa em Klitschko

Com um resultado unânime entre os jurados (118 a 110, 118 a 110, e 119 a 111), Klitschko manteve o cinturão, para alegria do público alemão, que o adotou durante toda a luta.