Tamanho do texto

"Tenho mentido para todo mundo que pensava que estava sóbrio, porque não estava. Agora não bebo ou uso drogas por seis dias e isso é um milagre", disse o ex-lutador

Mike Tyson é agora promotor de lutas
Getty Images
Mike Tyson é agora promotor de lutas

Mike Tyson está de volta ao boxe. Ele fez a sua estreia como promotor de combates na noite de sexta-feira na cidade de Verona, em Nova York, nos Estados Unidos. Entretanto, o que chamou a atenção foi a coletiva do ex-boxeador após o combate entre Argenis Mendez, que venceu, e Arash Usmanee. Tyson lembrou a luta contra as drogas, afirmou ter mentido sobre estar sóbrio e disse ainda se sentir à beira da morte. 

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"Eu não quero morrer. Eu estou à beira da morte por causa do meu vício em álcool", falou Mike Tyson na coletiva. 

Ele também pediu perdão aos fãs e público. "Eu sou um cara mal às vezes. Eu fiz muitas coisas ruins, mas eu quero ser perdoado. Então, para que me perdoem, e eu espero que possam me perdorar, eu vou mudar a minha vida. Eu quero uma vida diferente agora. Quero ficar sóbrio", disse.

Tyson ainda continuou. "Eu não bebo ou uso drogas há seis dias, o que para mim é um milagre. Eu tenho mentido para todo mundo que pensava que eu estava sóbrio, porque não estava. Hoje é o meu sexto dia e não vou nunca mais usar nada de novo". 

O ex-campeão aproveitou para comemorar a volta ao esporte. "Estou feliz por estar envolvido de novo no boxe. É um sonho se tornando realidade e estou um pouco nervoso. 

Agora, Mike Tyson quer ensinar os boxeadores a não perder tanto dinheiro com seus próprios erros. "Minha única certeza é que, no final das contas, os boxeadores não ficarão como Mike Tyson, se perguntando: onde estão meus amigos e meu dinheiro?", afirmou Tyson. "Você nunca vai escutá-los falando 'Mike Tyson roubou de mim'. Mas não sou mágico e a única coisa que posso fazer é sugerir que sigam o caminho certo", completou. 

"Quero estar aqui e cuidar dos interesses dos boxeadores. Não sei até onde vou chegar. No entanto, esse é somente meu primeiro evento e estou muito agradecido", declarou o polêmico ex-campeão da categoria peso pesado, considerado um dos maiores nomes do esporte.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.