Tamanho do texto

Ato cômico aconteceu por conta de um erro na hora de utilizar um tradutor; intenção era pedir apenas 1,5 mil ovos para alimentação dos altetas

A delegação da Noruega queria encomendar 1,5 mil ovos para a alimentação dos 109 atletas que viajaram para Pyeongchang, na Coreia do Sul, para a disputa dos Jogos Olímpicos de Inverno, entretanto, um erro de tradução causou uma encomenda equivocada e engraçada. Ao invés do valor desejado, eles receberam 15 mil ovos, graças a um tradutor online.

Leia também: Com mais de 80 casos, norovírus preocupa organização dos Jogos de Inverno

Noruega encomenda 15 mil ovos por engano para equipe dos Jogos de Inverno
Reprodução
Noruega encomenda 15 mil ovos por engano para equipe dos Jogos de Inverno

"A equipe olímpica encomendou 1.500 ovos por uma tradução com o Google Translate . Mas deu errado. 15.000 foram entregues na porta", escreveu o jornal da Noruega , Tronder-Avisa , em sua conta no Twitter, no último final de semana.

Leia também: Segurança discreta é a aposta da Coreia do Sul para os Jogos de Inverno

Em entrevista a outro jornal, o Afterposten , o chefe da delegação Stale Johanesen afirmou que parecia "não haver um final para a encomenda, literamente", e ainda brincou dizendo que foi "completamente inacreditável";

Já que a encomenda foi feita equivocadamente, a delegação norueguesa foi autorizada a devolver a quantidade excessiva de ovos. Os que ficaram, serão utilizados para fazer omeletes, ovos cozidos e fritos, além de ovos mexidos com salmão.

Under 2 dager igjen til lekene åpner😀 #teamnorway

Uma publicação compartilhada por Team Norway (@olympicteamnorway) em

Leia também: Confira 10 curiosidades sobre os Jogos Olímpicos de Inverno da Coreia do Sul

Sete pra cada

O jornal USA Today fez um levantamento que mostrou que os 1,5 mil ovos encomendados para cada um dos 109 atletas resulta em sete ovos por dia para cada um dos que irão representar o país nos Jogos de Inverno.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.