iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

27/10 - 15:08

Liga Nacional Feminina de Handebol define final nesta quinta
Metodista/São Bernardo receberá a Luna ALG/Ordena/UCS, em São Bernardo-SP, e o Blumenau/Furb enfrentará a UnC Concórdia em Blumenau-SC

Gazeta Esportiva

A Liga Nacional Feminina de handebol terá nesta quinta-feira (28) a definição dos times finalistas da edição de 2010. Os dois confrontos válidos pela segunda rodada da semifinal serão disputados às 19h (horário de Brasília), quando a Metodista/São Bernardo receberá a Luna ALG/Ordena/UCS, no Ginásio Vitório Zanon (Baetão), em São Bernardo-SP, e o Blumenau/Furb enfrentará a UnC Concórdia no Ginásio do Sesi, em Blumenau-SC.

A equipe do ABC Paulista leva vantagem na sua série, já que, no primeiro confronto, mesmo jogando na casa do adversário, venceu por 30 a 23. Agora, terá a chance de garantir a vaga na final diante de sua torcida. O técnico da Metodista, Eduardo Carlone, mostrou estar preparado para a decisão e não conta com a vitória antes do tempo.

"Claro que temos uma boa vantagem, mas há uma preocupação para que isso não se torne perigoso para a nossa equipe. Não podemos contar com essa diferença no placar e, por isso, a nossa rotina continuou a mesma. Treinamos, vimos vídeos, analisamos o adversário e vamos entrar para uma partida decisiva, independentemente, de termos a vantagem", explicou Carlone.

Segundo o técnico da Luna ALG/Ordena/UCS, Gabriel Citton, a última possibilidade de buscar a vaga na final está sendo motivador para a sua equipe. "Sabemos que vai ser complicado, mas vamos para São Bernardo arriscar tudo. Não temos nada a perder. Nosso primeiro objetivo é vencer a partida e, depois, vamos pensar em tirar o resultado do primeiro jogo. Nosso time é muito jovem e sabe que tudo pode acontecer. Acredito que, por isso, a desvantagem não desanima as meninas em momento algum", afirmou Citton.

Na outra série, o clássico catarinense iniciou favorável ao time de Concórdia, que jogou em casa na primeira partida e venceu Blumenau por 27 a 25. No segundo confronto, o técnico Alexandre Schneider espera repetir a dose, apesar de prever obstáculos no caminho.

"Temos uma vantagem mínima e sabemos que isso não reflete o que esperamos encontrar em Blumenau, pois além das dificuldades do jogo, a expectativa é que o ginásio esteja lotado. Por outro lado, a nossa preparação foi feita pensando apenas na vitória e, apesar de respeitarmos muito o time deles, vamos para obter o resultado positivo e a classificação para a final", garantiu Schneider.

E o treinador de Concórdia tem razão em se preocupar, pois, em Blumenau, o clima é de total otimismo. Mesmo em desvantagem na série, o técnico Sérgio Graciano afirma que sua equipe está concentrada no objetivo de se manter na final da Liga, onde esteve nas últimas quatro edições.

"O time de Concórdia é muito bom e sabemos disso, mas essa será a última chance de nos mantermos na disputa pelo título. Sabemos, também, que esse ano foi muito difícil, pois o nível entre as equipes esteve muito equilibrado, mas temos a sorte de decidir em casa, onde a nossa torcida ajuda muito, e vamos para garantir essa vaga na final mais uma vez", disse Graciano.

A Liga Nacional Masculina também está nos momentos decisivos. Unopar Londrina/Sercomtel e Metodista/São Bernardo já se enfrentaram no primeiro jogo e empataram em 25 gols. E, na outra série, coincidentemente, Pinheiros e TCC/Unitau/Unimed/Tarumã/Taubaté terminaram a partida com o mesmo placar de 25 gols. A rodada que definirá os finalistas será no próximo sábado (30), às 10h (horário de Brasília).


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias