iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

06/10 - 20:23

Pugilista brasileiro morre após passar mal durante luta

Jefferson Gonçalo, de 39 anos, teve de ser internado depois de derrota para Ismael Bueno em luta realizada na noite de sábado

Agência Estado

O pugilista brasileiro Jefferson Gonçalo, de 39 anos, morreu nesta quarta-feira, após ficar quatro dias internado no Hospital Samaritano, em Sorocaba, no interior de São Paulo. Ele passou mal durante a derrota para Ismael Bueno em luta realizada na noite de sábado, na cidade de Salto (SP).

O corpo foi enviado ao Instituto Médico Legal (IML) de Sorocaba para a análise da causa da morte. Enquanto isso, a família do pugilista já decidiu doar seus órgãos. "Faremos todo o que for possível para deixarmos um legado em nome dele", afirmou Natal Gonçalo Neto, irmão mais velho de Jefferson.

Durante o combate de sábado, Jefferson reclamou de cansaço para seu treinador após o quarto assalto. Mesmo assim, decidiu continuar a luta. Mas, segundo testemunhas, nem conseguiu recomeçar o combate, caindo desmaiado no ringue. Ele chegou a recobrar a consciência no local, antes de seguir para o hospital.

No hospital, um exame de tomografia computadorizada revelou que Jefferson tinha uma lesão no cérebro. "Não foi por causa da luta. Os médicos identificaram que essa lesão era antiga e, em algum momento, ele teria esse problema", disse Reinaldo Carrera, presidente da Liga Paulista de Boxe Profissional.

Com a lesão no cérebro, Jefferson passou por uma cirurgia de emergência e foi colocado em coma induzido pelos médicos. Na terça-feira, a sedação foi retirada, mas ele não respondeu aos estímulos. Diante disso, teve a morte cerebral decretada. E, nesta quarta, acabou morrendo.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias