iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

27/03 - 02:22

Brasil domina com oito ouros e três dobradinhas
Na noite desta sexta-feira, o País conquistou um total de 15 medalhas - oito de ouro, quatro de prata e três de bronze -, além de três dobradinhas

Gazeta Esportiva

O Brasil dominou o primeiro dia de finais da natação dos Jogos Sul-Americanos de Medellín. Na noite desta sexta-feira, o País conquistou um total de 15 medalhas - oito de ouro, quatro de prata e três de bronze -, além de três dobradinhas. Os destaques foram Leonardo de Deus, que bateu o favorito Thiago Pereira, e Joanna Maranhão, responsável por três vitórias.

Nos 200m costas, Leonardo de Deus venceu com o tempo de 2min02s00 e deixou a prata para o renomado Thiago Pereira, que registrou 2min02s13. "O Thiago é bom pacas e sempre que ele cai na piscina, se pensa na sua vitória. Mas se eu não acreditar em mim, quem vai crer", declarou o ganhador.

Nos 400m livre, Joanna Maranhão cravou 1min13s79, recorde de campeonato sul-americano. No revezamento 4x200m livre, ela ganhou ao lado de Sarah Correa, Tatiana Lemos e Daynara de Paula com o tempo de 8min24s85, nova merca dos Jogos. O terceiro ouro veio com 2min17s,07, mais um recorde do evento, nos 200m medley.

Nos 50m peito, uma dobradinha brasileira formada por Ana Carla Carvalho (32s66) e Alessandra Marchioro (32s67). Na prova dos 100m borboleta em Medellín, Daynara de Paula confirmou o bom desempenho das eliminatórias e venceu ao registrar 1min00s44.

Nos 100m peito, vitória de Felipe França com o tempo de 1min02s87, novo recorde dos Jogos Sul-Americanos. Nos 800m livre, Lucas Kanieski surpreendeu o recordista sul-americano da prova, Luis Rogério Arapiraca, e fez 8min09s8, superando as marcas de campeonato e dos Jogos.

Confira todos os resultados e as 15 medalhas do Brasil:

50m borboleta M
1) Albert Subirats = Venezuela - 23s66 / 2) Glauber Silva - Brasil - 24s22 / 3) Benjamin Hockin Brusquetti - Colômbia - 24s33 / 4) Guilherme Roth - Brasil - 24s72

50m peito F
1) Ana Carla Carvalho - Brasil - 32s66 / 2) Alessandra Marchioro - Brasil - 32s67 / 3) Agustina de Giovanni - Argentina - 33s24

800m livre M
1) Lucas Kanieski - Brasil - 8min09s01 / 2) Luis Arapiraca - Brasil - 8min16s93 / 3) Alejandro Gomez - Venezuela - 8min17s58

400m livre F
1) Joanna Maranhão - Brasil - 4min13s79 / 2) Kristel Kobrich - Chile - 4min15s26 / 3) Cecília Biagioli - Argentina - 4min15s55 / 8) Sarah Correa - Brasil - 4min37s96

200m costas M
1) Leonardo de Deus - Brasil - 2min02s00 / 2) Thiago Pereira - Brasil - 2min02s13 / 3) Juan Lopez Nieto - Colômbia - 2min06s36

100m borboleta F
1) Daynara de Paula - Brasil - 1min00s44 / 2) Carolina Henao - Colômbia - 1min01s21 / 3) Daiene Dias - Brasil - 1min02s27

100m peito M
1) Felipe França Silva - Brasil - 1min02s87 / 2) Jorge Mario Valdez - Colômbia - 1min03s49 / 3) João Gomes - Brasil - 1min03s82

200m medley F 
1) Joanna Maranhão - Brasil - 2min17s07 / 2) Georgina Bardach - Argentina - 2min19s53/ 3) Erika Stewardt - Colômbia - 2min22s41 / 4) Larissa Cieslak - Brasil - 2min24s21

200m livre M 
1) Federico Grabich - Argentina - 1min50s81 / 2) Benjamin Hockin Brusquetti - Uruguai - 1min51s48 / 3) Nicolas Oliveira - Brasil - 1min51s51

4x200m livre F 
1) Brasil (Tatiana Lemos, Daynara de Paula, Sarah Correa e Joanna Maranhão) - 8min24s85 / 2) Argentina (Nadia Colovini, Georgina Bardach, Virgínia Bardach e Cecília Biagioli) - 8min26s65 / 3) Venezuela (Yanel Pinto, Elimar Barrios, Darneyis Orozco e Andreína Pinto) - 8min32s24


Leia mais sobre: Jogos Sul-Americanos de Medellín

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias