iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

09/08 - 16:01

Brasil fecha disputa com cinco medalhas

Seleção Mundial sub-17 de Judô terminou a disputa na quarta posição na classificação geral, formada por 74 países

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - As perspectivas de que o judô brasileiro possa dar continuidade ao sucesso dos últimos anos ficaram ainda maiores após este final de semana. Encerrado o Mundial sub-17 da modalidade, o país contabiliza nada menos que cinco medalhas (uma de ouro, duas de prata e uma de bronze).

Desta forma, os brasileiros terminaram a disputa na quarta posição na classificação geral formada pelos 74 países participantes. À frente do país na tabela apenas Japão, Rússia e Coréia. Nos últimos sete anos, foram 18 pódios entre mundiais júnior e juvenil.

Atleta da categoria leve (até 57kg), Flávia Gomes conseguiu subir ao ponto mais alto do pódio ao derrotar a japonesa Yuri Okamoto no Golden Score (ponto de ouro na prorrogação) por yuko. "Quando estava na boca para entrar pensei comigo que era o meu dia, que conquistaria o ouro ali", comenta Flávia, de apenas 15 anos.

Já o meio-médio (até 81kg) Henrique Silva ficou com a prata, perdendo apenas a decisão para o sul-coreano Jae-Hyung Lee por yuko. O ligeiro (até 60kg) Matheus Machado também ficou com a segunda posição no pódio.

Os bronzes, por sua vez, vieram através de duas mulheres: Tainã Nery, médio (até 70kg), e Samantha Soares, da categoria acima de 70kg. "Mordi só um pedacinho do bolo. Agora quero mais", comenta a sorridente Tainã, natural de Bastos (SP) e fruto da mesma academia que revelou o campeão mundial e medalhista olímpico e campeão mundial Tiago Camilo. "É o dia mais importante da minha vida", resume a judoca.


Leia mais sobre: judô Mundial sub-17

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias