iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

01/08 - 10:07

Brasileiro se garante na semi dos 50m costas com recorde

Guilherme Guido superou a marca do campeonato e se aproximou do melhor tempo da história na distância

Gazeta Esportiva

ROMA (Itália) - O nadador Guilherme Guido se classificou para a semifinal dos 50m costas do Mundial de Roma em grande estilo na manhã deste sábado. Com o tempo de 24s49, ele superou os 24s80 do alemão Thomas Ruprath no Mundial de Barcelona-2003 e cravou o recorde do campeonato. De quebra, se aproximou dos 24s33 do norte-americano Randall Bal, melhor marca da história na distância.

"Consegui sair bem. Se fizer tudo certo outra vez, dá para baixar mais esse tempo. Estava esperando uma marca boa nesta prova desde o Troféu Maria Lenk (em maio deste ano). Lá, nadei batendo na raia porque treino no Pinheiros, em piscina coberta, me orientando pelo teto, e me perdi no parque aquático aberto. Mas dessa vez isso não aconteceu e espero um bom resultado na final", avisou.

O revezamento 4x100m medley feminino formado por Fabíola Molina (costas), Carolina Mussi (peito), Gabriella Silva (borbo) e Tatiana Lemos (livre) passou para a final com 3min58s49, oitavo tempo. O registro supera o antigo recorde sul-americano feito em Pequim, 4min02s61. Fabíola ainda bateu seu recorde sul-americano dos 100m costas na abertura do revezamento, 1min00s08. A marca anterior era 1min00s51.

Como apenas nove equipes competem na final, o time norte-americano ficou de fora, já que registrou somente o 10º tempo. Países tradicionais na prova como França e Suécia também decepcionaram. No Mundial de Melbourne-2007, o pódio foi formado por Austrália, Estados Unidos e Holanda.

Nos 50m costas, Daniel Orzechowski conseguiu mais um bom resultado para o Brasil. Ele fez 24s97 e entrou na semifinal com o 14º tempo. Em seu primeiro Mundial, o nadador teve a tensão natural na estreia aumentada pela quebra de seus óculos uma séries antes de entrar na piscina. "Fiquei muito nervoso. Pensei: 'só me faltava essa!' Mas felizmente tudo deu certo e agora é lutar pra chegar na final", disse.

Nos 50m livre, Flávia Delaroli registrou 25s54 e ficou apenas no 25º posto. Na mesma prova, Tatiana Barbosa deixou a disputa ao fazer 25s64, 29º tempo. Nos 50m peito, as duas representantes do Brasil também não conseguiram avançar. Com a marca de 31s38, Ana Carla Carvalho terminou na 24ª colocação e viu Tatiane Sakemi na 27ª posição com 31s61.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Guilherme Guido

Guilherme Guido
Brasileiro saiu da prova otimista com seu desempenho nas próximas fases do Mundial

Topo
Contador de notícias