iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Mais Esportes

04/02 - 13:53

Para Derly, novas regras da FIJ trarão dificuldades para os atletas veteranos

Judoca entende que agora vai ter que disputar competições que antes ele não participaria

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Neste ano, a Federação Internacional de Judô (FIJ) adotou novas regras para a classificação dos países para as Olimpíadas de Londres-2012. Agora, ao invés das vagas já pré-determinadas às nações, serão os atletas que se classificarão individualmente para o torneio, necessitando disputar inúmeras competições para angariar os pontos necessários para a classificação. O judoca João Derly, que representou o Brasil em Pequim-2008, acredita que esse novo sistema trará dificuldades para os competidores mais veteranos.

"Isso acabou prejudicando os atletas mais velhos, porque, com uma idade avançada, reduzimos as competições. Quando mais novos, buscamos um número maior de torneios e isso te força a estar bem quase o ano inteiro. Portanto, para isso, é necessária uma preparação física muito melhor que antes, um cuidado muito maior nesse aspecto, para aguentar um ciclo olímpico. Com isso, será muito puxado este ano", afirmou o gaúcho.

Ele também comentou sobre a atual administração da Confederação Brasileira de Judô (CBJ). " Acho que está muito bom, porque o presidente Paulo Wanderley Teixeira tem dado continuidade ao trabalho. Acho que a confederação cresceu muito, porque eu acompanhei desde o início a transição da administração anterior para o Wanderley e eles estão fazendo um bom trabalho, indo no caminho certo. Entretanto, ainda está bem aquém do que pode ser, mas tem tudo para melhorar e as gerações futuras colherem bons frutos", confirmou.

 


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias