Tamanho do texto

Com luta sólida, bem a seu estilo, canadense consegue sua 24ª vitória em 26 combates e defende título do UFC. Rival deve se aposentar

George St-Pierre mostrou porque é um dos grandes nomes do MMA na atualidade. Com uma luta sólida, bem ao seu estilo, o canadense derrotou Nick Diaz por decisão unânime dos juízes e manteve o cinturão da categoria meio-médios do UFC. Foi sua oitava defesa de título consecutiva e a 24ª em 26 lutas na carreira.

A expectativa para o confronto, evento principal do UFC 158, era enorme, principalmente por causa das provocações de Diaz a St-Pierre. O campeão, porém, tratou de elogiar o oponente após o combate.

"Nick fez um ótimo trabalho promovendo a luta, ele é um bom cara, e deem aplausos para ele! Nunca levei isso para o pessoal. Ele está aqui há mais tempo que eu, sou um grande fã dele, é um dos caras que eu mais gosto de assistir, e por isso que achei que seria uma grande luta", falou o canadense.

Derrotado pela segunda vez consecutiva, Diaz anunciou que deve se aposentar. Antes ele havia perdido para Carlos Condit na disputa pelo cinturão interino dos meio-médios.

"Não quero dar desculpas, acho que vim mal porque estava há um ano parado. Eu quero agradecer ao Georges por me dar o respeito que eu mereço. Tenho que decidir se ainda quero continuar fazendo isso. Acho que encerro por aqui", desabafou o norte-americano de 29 anos.

Resultados do UFC 158:

CARD PRINCIPAL
Georges St-Pierre venceu Nick Diaz por decisão unânime
Johny Hendricks venceu Carlos Condit por decisão unânime
Jake Ellenberger venceu Nate Marquardt por nocaute técnico no primeiro round
Chris Camozzi venceu Nick Ring por decisão dividida
Mike Ricci venceu Colin Fletcher por decisão unânime

CARD PRELIMINAR
Patrick Cote venceu Bobby Voelker por decisão unânime
Darren Elkins venceu Antonio Carvalho por nocaute técnico no primeiro round
Jordan Mein venceu Dan Miller por nocaute técnico no primeiro round
John Makdessi venceu Daron Cruickshank por decisão unânime
Rick Story venceu Quinn Mulhern por nocaute técnico no primeiro round
TJ Dillashaw venceu Issei Tamura por nocaute no segundo round
George Roop venceu Reuben Duran por decisão unânime