Tamanho do texto

Alistair Overeem testou positivo em exame surpresa e deve ser afastado da disputa pelo título dos pesados do UFC

Strikeforce/Divulgação
Alistair Overeem deve perder a chance de enfrentar Cigano pelo título
O brasileiro Junior dos Santos deverá ter um novo adversário em sua primeira defesa do cinturão dos pesados do UFC . O “gigante” Alistair Overeem testou positivo em um exame antidoping surpresa e não deverá mais enfrentar Cigano no UFC 146 do dia 26 de maio, em Las Vegas.

iG Entrevista: Cigano põe boxe em 2º plano e diz que não brigará por vaga olímpica

De acordo com o site MMA Junkie, o lutador apresentou níveis de testosterona seis vezes acima do normal. O exame surpresa foi realizado logo após a entrevista coletiva dos lutadores na semana passada, em Vegas. Os outros atletas que participaram do evento (Cigano, Cain Velásquez, Frank Mir, Roy Nelson e Antônio Pezão) passaram normalmente no teste.

Veja também: Rival de Cigano se livra de prisão por suposta agressão a mulher

Agora, Overeem aguarda pelo resultado da contraprova que deve sair nos próximos dias. Caso o exame apareça normal, ele teria condições de obter a licença para a luta contra o brasileiro.

“A pior parte é que ele mentiu para nós. Quão idiota alguém pode ser para fazer isso. É um estúpido completo. Qualquer um que nesse momento que vivemos use esse tipo de substância ilegal é um completo idiota”, disparou o presidente do UFC, Dana White, bastante irritado.

Vale lembrar que este não é o primeiro problema do holandês com exames antidoping. Em novembro do ano passado, Alistair Overeem foi obrigado a refazer o teste antes do combate contra Brock Lesnar, pois os resultados não estavam claros. Depois disso, ele foi liberado.

Resta saber quem seria o novo adversário de Cigano pelo título. Algoz de Minotauro, Frank Mir tem boas chances de ser escolhido como o novo desafiante. O gaúcho Fabrício Werdum também aparece na lista de possíveis rivais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.