Tamanho do texto

O brasileiro vem de seis vitórias consecutivas e quer fechar o ano com chave de ouro

John Lineker é o segundo colocado do ranking na categoria peso galo
Reprodução/Facebook
John Lineker é o segundo colocado do ranking na categoria peso galo

O UFC 207 acontece nesta sexta-feira (30), em Las Vegas. No card principal, dois brasileiros em ação. Amanda Nunes defende o cinturão contra Ronda Rousey na luta principal da noite e John Lineker busca sua quarta vitória do ano e a sétima consecutiva no Ultimate contra TJ Dillashaw.

Leia mais: "Pronto para surpreender", Cara de Sapato tenta embalar de vez no UFC

Lineker é o atual segundo colocado do ranking do peso galo, atrás do seu adversário americano, Dillashaw (1º). E apesar disso, a luta do brasileiro na sexta-feira (30) não coloca o cinturão em jogo. Atualmente, o cinturão se encontra com Dominick Cruz, que vai enfrentar Garbrandt (5º) na mesma noite.

O brasileiro venceu suas últimas seis lutas, as últimas quatro na categoria peso galo (até 61kg) e todas as três lutas de 2016. “Pra mim foi muito bom, graças a Deus. Tive bons resultados e se Deus quiser 2017 vai ser melhor. O meu objetivo é ser campeão”, disse o lutador da cidade de Paranaguá em entrevista exclusiva ao iG Esporte.

No ano passado, o paranaense deixou a categoria peso mosca (57kg) pela dificuldade de manter o peso. Na nova categoria, Lineker vem mostrando bom desempenho, com vitórias em todos os duelos.

Conhecido como 'Mãos de Pedra', é um dos atletas que mais aplica knockdown, mas nunca sofreu um. Para a luta de sexta, o lutador diz que vai “pra cima, buscar a luta e o nocaute.”

Recentemente, Lineker recebeu a faixa marrom do jiu jitsu, a última antes da preta, a maior graduação no esporte. Mesmo assim, para enfrentar Dillashaw, o brasileiro vai procurar trazer a luta a seu favor. “Na verdade procuro lutar dentro do meu forte, que é o boxe. Mas é óbvio que se for para o chão, eu quero mostrar. Mas não é essa a estratégia”, disse.

Para a luta principal da noite, entre a brasileira Amanda Nunes e a americana Ronda Rousey, Lineker aposta na colega de treino da academia American Top Team. “Acredito que a Amanda é a leoa e vem com força de vontade de vencer. Ela pegou o cinturão agora e não vai perder aquilo tão fácil.”

Leia mais: "Ronda é uma pessoa fraca", diz a campeã Amanda Nunes

UFC 207 - 30 de dezembro em Las Vegas, EUA

CARD PRINCIPAL

Peso-galo: Amanda Nunes x Ronda Rousey
Peso-galo: Dominick Cruz x Cody Garbrandt
Peso-galo: TJ Dillashaw x John Lineker
Peso-meio-médio: Dong Hyun Kim x Tarec Saffiedine
Peso-mosca: Louis Smolka x Ray Borg

CARD PRELIMINAR

Peso-meio-médio: Johny Hendricks x Neil Magny
Peso-meio-médio: Mike Pyle x Alex Garcia
Peso-médio: Antônio Cara de Sapato x Marvin Vettori
Peso-meio-médio: Brandon Thatch x Niko Price
Peso-meio-médio: Alex Cowboy x Tim Means

Leia mais: "Ele fala e faz", diz Minotauro sobre Conor McGregor

Não necessariamente, mas ao que tudo indica, o vencedor da luta de sexta-feira (30), brigará pelo cinturão. Mas caso precise enfrentar Cruz ou Garbrandt para o título, o brasileiro afirma que não tem preferência por adversário. “Eu luto com quem for preciso lutar”, reforça Lineker.

    Leia tudo sobre: luta