Tamanho do texto

Segundo Cesar Gracie, uso de Drostanolona favoreceu o brasileiro na luta contra o seu atleta, no sábado passado

A notícia que caiu como uma bomba no UFC já está ganhando repercussão pelo mundo. O lutador brasileiro Anderson Silva foi flagrado no exame antidoping  por uso de anabolizante antes de vencer o norte-americano Nick Diaz por decisão unânime dos juízes e pode ser severamente punido - a substância é a Drostanolona.

Em rede social, lutadores do UFC lamentam doping de Anderson Silva e Nick Diaz

Cesar Gracie, técnico de Diaz, já se pronunciou pedindo que o resultado do combate seja revisto e que a vitória seja retirada do brasileiro. "É necessário que o resultado seja mudado, porque ele usou drogas que o favoreceram na luta. Anderson Silva está com a idade mais avançada, mas se você precisa de anabolizante para lutar, então você não deve lutar", comentou ao site TMZ.

Entretanto, Nick Diaz também foi pego no doping por uso de maconha, mas Gracie relevou e defendeu seu atleta. "Qualquer um que tenha um pouco de cérebro sabe que maconha não aumenta a performance dentro do octógno", disse o treinador.

Tanto Anderson Silva quanto Nick Diaz ainda podem pedir a contraprova do exame, mas ambos serão julgados pela Comissão Atlética de Nevada, no Estados Unidos, no dia 17 de fevereiro. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.