Tamanho do texto

Norte-americano comandou combate e venceu com 4min47; brasileiro ficou mais distante de chance de lutar novamente por cinturão dos meio-pesados do UFC

Maurício Shogun Rua precisava de uma vitória para voltar a sonhar com o cinturão dos meio-pesados do UFC. Mas não foi o que aconteceu diante do falastrão Chael Sonnen na noite deste sábado, em Boston. Com uma guilhotina no primeiro round, o brasileiro foi derrotado e se viu ainda mais distante de uma nova tentativa contra o campeão Jon Jones.

Leia mais: Brasileiros estão entre os lutadores demitidos pelo UFC

Sonnen aplica a guilhotina e derrota Shogun no UFC
Getty Images
Sonnen aplica a guilhotina e derrota Shogun no UFC

Ex-campeão mundial da categoria, título que perdeu em 2011 para Jonen, Shogun vinha de duas derrotas recentes para Dan Henderson e Alexander Gustaffson. Sonnen, conhecido por suas provocações, colocou fim à sina de nunca ter derrotado um ex-detentor de cinturão.

O norte-americano começou a luta tentando derrubar Shogun. Ele levou o combate para o chão, buscando o ground and pound, sua especialidade. O brasileiro se defendeu bem das primeiras tentativas de finalização. Sonnen, no entanto, encaixou uma guilhotina aos 4min47 e colocou fim à disputa.

“Eu prometi que ia derrotá-lo e eu fiz isso”, afirmou o vencedor ainda no octógono, antes de lançar o desafio a outro brasileiro. “Wanderlei Silva, estou esperando você”.

Além do quebrar o tabu de nunca ter batido campeões ou ex-donos de cinturão, Sonnen acabou com um incômodo período de 16 meses sem vitórias. Desde janeiro do ano passado, quando superou Michael Bisping, o americano não vencia.

No entanto, a melhor luta da noite foi disputada por Travis Browne e Alistair Overeem, pelos pesados. Após ser castigado pelo rival durante a maior parte do primeiro round, Browne acertou um chute certeiro no queixo de Overeem e o nocauteou aos 4min08.

CARD PRINCIPAL
Chael Sonnen venceu Maurício Shogun (finalização)
Travis Browne venceu Alistair Overeem (nocaute)
Urijah Faber venceu Iuri Marajó (decisão unânime)
Matt Brown venceu Mike Pyle (nocaute)
John Howard venceu Uriah Hall (decisão dividida)
Michael Johnson venceu Joe Lauzon (decisão unânime)

CARD PRELIMINAR
Michael McDonald venceu Brad Pickett (finalização)
Conor McGregor venceu Max Holloway (decisão unânime)
Steven Siler venceu Mike Brown (nocaute)
Diego Brandão venceu Daniel Pineda (decisão unânime)
Manny Gamburyan venceu Cole Miller (decisão unânime)
Ovince St. Preux venceu Cody Donovan (nocaute técnico)
James Vick venceu Ramsey Nijem (finalização)

Galeria de fotos mostra os estragos no rosto de lutadores do UFC:



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.