Tamanho do texto

Atacante foi liberado para negociar sua ida para o Anzhi, da Rússia

A possível venda de Diego Tardelli para o futebol da Rússia dominou a entrevista coletiva do técnico Dorival Júnior na tarde desta sexta-feira, na Cidade do Galo. O treinador alvinegro afirma que prefere aguardar a conclusão das negociações para depois comentar o caso. Mas o comandante deixou claro que contava com o atacante para formar a equipe ideal do Galo para a temporada. 

"Ele tem a liberação para viagem, mas é uma situação que ainda está em andamento, está caminhando, e eu prefiro deixar para falar alguma coisa a partir do momento que tenhamos uma definição positiva ou não. Torço para que o Tardelli continue, permaneça, porque é o primeiro momento que estamos conseguindo encontrar aquilo que poderia a ser a equipe ideal para o Atlético-MG, e ele é um jogador importante para que isso venha acontecer", disse Dorival Júnior.

Apesar de declarar que Diego Tardelli é peça importante para seu esquema tático, Dorival afirma que não vai lamentar caso o jogador seja realmente vendido. O treinador revelou que conversou com o presidente Alexandre Kalil e que a equipe terá reposição. Ele inclusive deixou no ar, que já tem conhecimento sobre alguma situação boa para o time.

"Temos que entender todo o processo de negociação e aguardar para que as coisas se encaminhem de uma maneira natural. Eu não fico lamentando muito não, acho que temos que continuar trabalhando e eu tenho certeza que existirá a possibilidade de uma reposição. Acredito muito nas palavras do presidente e sei que alguma coisa de bom também vai acontecer. Eu prefiro aguardar um pouco para depois ver que caminho tomarmos", concluiu.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.