Tamanho do texto

Além da rivalidade, última rodada vale disputa do título para vascaínos e Libertadores para o Flamengo

Torcida do Vasco deu apoio ao time no último treino do ano, em São Januário
Hilton Mattos
Torcida do Vasco deu apoio ao time no último treino do ano, em São Januário
Flamengo e Vasco nunca decidiram o Campeonato Brasileiro . Já estiveram envolvidos em semifinais e protagonizaram uma decisão de Copa do Brasil . Mas jamais pisaram o estádio no desfecho da competição mais importante do calendário nacional. Na tarde deste domingo (17h), as duas equipes estarão vivendo uma experiência bem próxima deste aguardado encontro. Para o time de São Januário, vale o título. A ambição rubro-negra para na vaga à Libertadores . Porém, acima de tudo está a rivalidade.

Vasco é o 2º e Flamengo o 4º colocado no Brasileiro. Veja a tabela atualizada

E quando se fala da rivalidade deste clássico, logo vem na lembrança jogos memoráveis decididos por craques eternizados pelo tempo . O tempero deste Flamengo e Vasco tem de um lado uma equipe que está na vice-liderança da competição com 68 pontos que precisa vencer o principal rival e ainda secar o líder Corinthians (70) que recebe o Palmeiras no Pacaembu.

Leia mais: Equilíbrio predomina em clássicos, e só Cruzeiro tem domínio

A vitória vascaína, somada a uma combinação de resultados, pode acabar com o sonho do Flamengo de participar do badalado torneio sul-americano. Em contrapartida, o principal objetivo do time da Gávea é impedir o sonho do título cruzmaltino e assegurar sua participação na Libertadores. Portanto, embora não seja uma final legítima, todos os ingredientes remetem a uma decisão.

Para este jogo, o Vasco não terá Juninho Pernambucano e Allan , suspensos. O técnico Cristóvão Borges faz mistério e prefere não confirmar a equipe, mas o atual campeão da Copa do Brasil deve ter Bernardo e Elton como opção no banco de reservas para o segundo tempo. O treinador deve apostar num meio-campo com Rômulo , Nilton , Fellipe Bastos e Felipe . Na frente, Alecsandro pode voltar ao time ao lado de Diego Souza mais uma vez improvisado.

Veja mais: Técnico por acaso, Cristóvão não repetirá Andrade se for campeão

“Eu quero jogar, pois sei da minha responsabilidade. Quando fui contratado, o presidente Roberto Dinamite queria um (camisa) 9 que resolvesse. Vim com esta finalidade e quero provar que sou capaz de ajudar o Vasco”, disse Alecsandro, autor de um gol e do passe para o Bernardo na vitória de 2 a 1 domingo passado contra o Fluminense .

Leia também: “Cada um faz o seu”, diz Felipe sobre ajuda ao Corinthians

Na quarta-feira, o time foi derrotado por 2 a 0 para o Universidad de Chile , em Santiago, pela Copa Sul-Americana . O time voltou somente na noite de quinta, cansado, e os jogadores fizeram somente trabalho regenerativo nos dias seguintes. Segundo Cristóvão, é hora de recuperar. Não há mais o que treinar.

E assim, apesar do desgaste, ele acredita que a equipe vai se superar neste domingo. Mais do que isto: aposta na vitória sobre o Flamengo e no resultado a favor do Palmeiras no clássico paulista.

Veja mais: Coincidências e equilíbrio marcam duelo entre Diego Souza e R10

Ronaldinho sentiu dores no joelho durante a semana, mas vai para a 'final'
AE
Ronaldinho sentiu dores no joelho durante a semana, mas vai para a 'final'
“Temos condições de vencer o Flamengo, apesar de respeitarmos a equipe deles. Vamos em busca da vitória e sei também que lá em São Paulo pode dar Palmeiras. Mas o importante, e eu quero deixar claro, é que vamos procurar fazer a nossa parte independentemente do que estará acontecendo lá. O foco é no Flamengo”, frisou Cristóvão 

Manter tabus, garantir a vaga direta à Copa Libertadores de 2012 e tentar tirar o título do maior rival. Essas serão as motivações do Flamengo quando o time pisar no gramado do Engenhão no domingo. Oficialmente, o discurso dos jogadores comandados por Vanderlei Luxemburgo é de pensar apenas na vaga ao torneio internacional, sem se preocupar com a possibilidade do Vasco ser campeão. Mas na prática, as duas ‘missões’ estão ligadas, já que um simples empate dá a taça para o Corinthians.

Veja também: Ricardo Gomes visita concentração, mas não vai ao clássico

“A gente tem que fazer nosso resultado dentro de campo, porque não estamos garantidos na Libertadores. Sabemos que o Vasco está brigando pelo título, mas temos que pensar somente no Flamengo. Tomara que o clássico seja disputado na paz dentro e fora do campo. Vai ser um grande espetáculo e espero que possamos sair com a vitória”, disse o volante Willians .

Ao seu favor, o Flamengo conta com a confiança de ter um retrospecto altamente positivo em clássicos nesta temporada. Nas 11 partidas que disputou contra Botafogo , Fluminense e Vasco , foram sete empates e quatro vitórias. Especificamente contra o rival deste domingo, foram dois empates e uma vitória em 2011. O palco da partida também carrega boas recordações, já que o Flamengo nunca perdeu nenhum clássico disputado no Engenhão.

Leia mais: Torcida apoia Vasco em último treino antes da 'final'

Sem apontar um favorito para o que ele considera a ‘partida da temporada’, Luxemburgo também lamentou o fato do Flamengo não ter conseguido se manter na briga pelo título até o final, mas valoriza a vaga na Libertadores.

"Disputamos o Brasileiro e podíamos ter chegado na última rodada disputando o título, mas ainda temos a Libertadores. É o jogo da temporada para nós, pois vale uma vaga na Libertadores. Volta aquele frio na barriga e também aquela piscadinha", disse Luxemburgo.

Ricardo Gomes visitou a concentração do Vasco
Vasco.com.br
Ricardo Gomes visitou a concentração do Vasco
Veja também: Willians se recupera de dores na coxa e enfrenta o Vasco

Para o clássico, o técnico Vanderlei Luxemburgo terá força máxima. O volante Willians, que havia deixado o treinamento da última sexta-feira com dores na coxa esquerda, participou normalmente da atividade do sábado e vai para a partida. Ronaldinho Gaúcho, que também foi poupado de um treino durante a semana, está confirmado.

Apesar de ter feito mistério e não revelar a equipe que vai a campo, o time titular terá uma modificação certa em relação ao que enfrentou o Internacional, no último domingo. Junior Cesar cumpriu suspensão automática pelo terceiro amarelo e volta para a lateral-esquerda na vaga de Rodrigo Alvim . No meio, Fierro deve ser mantido ao lado de Willians e Renato , com Deivid voltando ao ataque no lugar de Thomás.

FICHA TÉCNICA – VASCO X FLAMENGO
Data: 4 de dezembro de 2011 (Domingo)
Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Pereira Jóia (RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ)

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Renato Silva e Jumar; Rômulo, Nilton, Fellipe Bastos e Felipe; Diego Souza e Alecsandro
Técnico: Cristovão Borges

FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, Alex Silva, Welinton, Junior Cesar; Fierro, Willians, Renato, Thiago Neves; Ronaldinho e Deivid
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Entre para a Torcida Virtual do seu time e faça ele subir mais no ranking nacional

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.