Tamanho do texto

Por motivos "técnicos e comportamentais" a diretoria do time pernambucano resolveu liberar o atacante

Na mesma reunião em que a diretoria do Sport aprovava a efetivação de Mazola Júnior como treinador, mais uma decisão foi tomada. O atacante Carlinhos Bala foi dispensado da equipe no final da tarde desta segunda-feira, após participar do treino.

Os motivos alegados pelo diretor de futebol do clube Wanderson Lacerda são "técnicos e comportamentais". A gota d'água teria sido uma brincadeira feita pelo atacante quando a equipe ainda era comandada por Hélio dos Anjos.

O jogador perguntou aos companheiros, em tom irônico, nos vestiários: "E aí, o homem já caiu?". Essa brincadeira causou um profundo mal estar dentro do grupo e determinou a demissão de Carlinhos Bala, que ainda não tem destino certo.

"A decisão foi tomada por volta das 14h. Quem comunicou foi o gerente de futebol, Adelson Wanderley. Fizemos tudo que cabeça fria. Ouvimos a comissão técnica e toda a diretoria. O presidente também ratificou", afirmou Lacerda.

Aos 31 anos, o jogador foi revelado pelo Santa Cruz e ainda vestiu as camisas de Náutico, Beira-Mar-POR, Cruzeiro e Atlético-GO.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.