Tamanho do texto

Com o resultado, seleção garante o primeiro lugar das Eliminatórias da Copa do Mundo; Paulinho e Coutinho marcaram

A seleção brasileira segue com 100% de aproveitamento nas Eliminatórias  desde a chegada de Tite ao comando técnico da equipe. Na noite desta quinta-feira, na Arena do Grêmio, o Brasil despachou o Equador pelo placar de 2x0. Os gols foram marcados por Paulinho, em cobrança de escanteio e Philippe Coutinho, após jogada maravilhosa de Gabriel Jesus. 

Leia também: Ex-técnico da seleção, Dunga revela truque de jogadores para serem escalados

O Equador foi justamente o primeiro adversário da Seleção na era Tite. Naquela oportunidade, o Brasil venceu por 3x0 fora de casa com dois gols de Gabriel Jesus e um de Neymar.

Paulinho marcou o primeiro do Brasil na partida contra o Equador
Pedro Martins / MoWA Press
Paulinho marcou o primeiro do Brasil na partida contra o Equador

Com o resultado, o Brasil chegou aos 36 pontos, garantindo a primeira colocação nas Eliminatórias da Copa do Mundo. A arrancada de oito vitórias consecutivas sob o comando de Tite veio após um momento complicado, uma vez que o treinador assumiu o comando da equipe na sexta colocação, posição que deixaria a Seleção fora do Mundial pela primeira vez em sua história.

Primeiro tempo morno

Desde os primeiros minutos da partida, o Brasil demonstrava superioridade, mantendo a posse da bola e tocando com tranquilidade no campo adversário, com a paciência que é marca registrada dos times de Tite. A primeira chance veio aos 7 minutos, com Paulinho, que pegou sobra de bola na ponta direita e invadiu a área em velocidade, passando por três jogadores e batendo com força, para boa defesa do goleiro Banguera. Três minutos depois, foi a vez de Willian receber de Neymar e bater colocado da entrada da área. A bola passou raspando a trave equatoriana. 

Leia também: Chilavert fica indignado e reclama da candidatura paraguaia para Copa 2030

Dominada e com poucas alternativas, a seleção equatoriana abusava das faltas e procurava os contra-ataques em bolas longas, sem sucesso. Ainda no primeiro tempo, Banguera fez mais duas defesas: a primeira após finalização de Gabriel Jesus, que invadiu a área em velocidade e a segunda em chute de muito longe de Casemiro, que acabou indo no meio do gol. A primeira etapa terminou com o placar zerado, apesar do domínio brasileiro, que acabou sendo pouco contundente.

Paciência para chegar aos gols

Com Thiago Silva no lugar de Miranda, a equipe brasileira voltou para o segundo tempo em um ritmo mais acelerado, principalmente pelos lados do campo com Daniel Alves e Willian. Apagado na primeira etapa, Gabriel Jesus era mais procurado dentro da área, e obrigou Banguera a fazer boa defesa após cabeçada à queima roupa aos 10 minutos. Logo depois, Tite optou pela entrada de Philippe Coutinho na vaga de Renato Augusto. Ocupando o campo adversário e com mais de 70% de posse de bola, o Brasil tinha dificuldades no último passe e não chutava de longa distância.

O gol brasileiro finalmente veio aos 23 minutos, e acabou saindo na bola parada. Willian bateu escanteio com precisão e achou Paulinho na marca do pênalti. O volante dominou com tranquilidade e fuzilou o goleiro Banguera para abrir o placar. 

Leia também: Bebeto se emociona durante visita ao Museu da Seleção; assista

Mais tranquilo com a vantagem, o time brasileiro continuou com o domínio da partida e viu o goleiro adversário brilhar novamente cinco minutos após o gol. Primeiro, Banguera rebateu chute forte de Willian de fora da área. No rebote, parou chute de Neymar. No entanto, aos 30 minutos, Banguera nada pode fazer. Gabriel Jesus recebeu dentro da área, deu um lindo chapéu na marcação e escorou para Philippe Coutinho completar para o gol e tranquilizar ainda mais a torcida gaúcha, que vibrou aos 39 minutos com a entrada do gremista Luan.

Abusando de lances de efeito e jogadas individuais, a Seleção gastou o relógio e não passou sufoco diante de um Equador perdido e desorganizado. Com isso, o Brasil garantiu mais uma vitória, além da primeira colocação nas Eliminatórias da Copa do Mundo

O próximo compromisso do Brasil será diante da Colômbia, na próxima terça-feira, às 17h30, em Barranquilla.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.