Tamanho do texto

Perdendo por 2 a 0 no intervalo, Tite cobrou atenção e fez mudança brusca no time

Tite saiu do sério no intervalo da vitória do Corinthians por 3 a 2 sobre o Atlético-MG , em Ipatinga, nesta quarta-feira. Perdendo por 2 a 0, o técnico ficou irritado com mais dois gols sofridos em jogadas de bola parada. Nos vestiários, cobrou mais atenção com um "esporro", nas suas palavras. Ele ainda sacou o lateral-direito Alessandro para dar lugar Emerson, nome do jogo no segundo tempo .

Veja a classificação do Campeonato Brasileiro. Corinthians é líder com 37 pontos

null

"Este foi se não o mais, um dos mais difíceis jogos. Pelo peso da camiseta do Atlético, pelas circunstâncias do jogo, foi sim um dos mais difíceis. Primeiro, depois dos 2 a 0, eu estava querendo o intervalo logo. E aí tomou-lhe um esporro. Segundo, era dar uma acalmada, saber que estávamos criando. E terceiro, ter mais um jogador agressivo (Emerson). Esses aspectos foram importantes", disse Tite.

Apesar da vitória, o técnico se irritou com novas falhas na defesa. Foram 10 gols sofridos nos últimos sete jogos. "Tem dois jogos que estamos com problema na bola parada e ela quase nos ferrou hoje. Essa cobrança existe e eu treinei. Um lance de bola parada, dois e você toma 2 a 0, é normal o jogador pensar 'agora ferrou. Como reverter?'. Mas antes, quando estava 0 a 0, 1 a 0, a gente estava criando. Foi só dar uma dura neles e mudar algumas coisas", disse o técnico.

O Corinthians terminará a 17ª rodada como líder do Campeonato Brasileiro independente dos resultados desta quinta-feira. O time soma 37 pontos e 11 vitórias. O Flamengo, que pega o Atlético-GO no Engenhão, tem 34 e mesmo que vença, somará 10 vitórias e continuará com um triunfo a menos que o Corinthians. O número de vitórias é o primeiro critério de desempate do torneio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.