Tamanho do texto

"É mais uma chance de fazer história no clube e ter algo mais importante para as nossas carreiras", animou-se o volante Jean

O Atlético-PR , em risco de rebaixamento, pode ficar sem um tabu histórico nesta quarta-feira. Empolgados pelo fim do jejum de nove jogos sem vitórias, os jogadores do São Paulo falam em entrar para a história como os primeiros a fazerem o time paulista ganhar na Arena da Baixada.

"Temos que buscar essa primeira vitória. É mais uma chance de fazer história no clube e ter algo mais importante para as nossas carreiras", animou-se Jean, colocando as 13 visitas sem triunfo à casa do Furacão como um fator de motivação.

São Paulo briga por uma vaga no G4. Veja a tabela do Brasileirão

O São Paulo só conseguiu cinco empates e perdeu oito vezes no estádio do Rubro-negro curitibano. Número que não assusta, assim como a prometida vontade exacerbada dos comandados de Antonio Lopes para evitar a queda para a Série B do Campeonato Brasileiro.

"Eles estão pressionados, vivendo um momento delicado, brigando para escapar, mas nada disso vai nos influenciar. Tabu não entra em campo", garantiu Xandão. "Estamos com confiança pelo jogo contra o Avaí e precisamos fechar o ano com objetivo alcançado", completou o zagueiro.

Leia também: Jean desabafa e culpa Adilson Batista por má fase

O defensor admite que a atmosfera da Arena da Baixada é feita para intimidar, mas tem confiança de que o ambiente não atrapalhará o São Paulo em sua tarefa de engatar uma sequência de vitórias na busca por uma classificação para a Libertadores e, como dizem alguns atleta, até sonhar com o título brasileiro.

"Já joguei lá pelo São Paulo e por outros clubes, é sempre muito difícil. A torcida empurra o jogo todo, o campo é menor. É hora de esquecer o que se passou nestes 13 jogos sem vitória. O momento é de quebrar esse tabu", definiu Xandão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.