Tamanho do texto

Banco não renovará contrato com o clube paulista, mas teve marca estampada na camisa como 'cortesia'

Gazeta Press
Os novos reforços são-paulinos foram apresentados com o BMG na camisa
As cinco caras novas do São Paulo em 2012 foram apresentadas com uma camisa velha. Os zagueiros Edson Silva e Paulo Miranda , o lateral esquerdo Bruno Cortês , o volante Fabrício e o meia Maicon apareceram no gramado do principal campo do CFA de Cotia usando uniforme com a estampa do banco BMG.

Leia também: São Paulo já treina com bola no segundo dia de retiro em Cotia

O contrato de parceria da equipe com a instituição financeira acabou nesta semana e a empresa já comunicou que não tem a intenção de renová-lo depois de um ano e meio pagando para aparecer como principal patrocinador na parte da frente e de trás da camisa. Mas acabou ganhando o que o clube considera um agrado.

"É uma questão de elegância e de homenagem a um bom parceiro que nos ajudou em contratações em todo um período. Se eles fossem apresentados há dois dias, seria com a camisa do BMG, então porque não fazê-lo hoje? Até para mostrar que esta é a linha de conduta do São Paulo", justificou o vice-presidente João Paulo de Jesus Lopes.

E ainda: São Paulo ainda quer Montillo e duvida de acerto com Corinthians

O dirigente informa que houve até um acordo para o Tricolor manter o BMG em seu uniforme durante toda a participação na Copa São Paulo de Futebol Júnior sem o banco desembolsar nada. Já a equipe profissional, por enquanto, terá apenas a escola de idiomas Wizard nas mangas como patrocinador neste Campeonato Paulista.

Vestimenta à parte, a apresentação teve Jesus Lopes como apresentador. Posicionado no centro do gramado, à frente de cinco bolas colocadas no campo, o vice-presidente chamou um a um, em ordem alfabética, todos os reforços, que saiam dos vestiários antes de encararem as câmeras. E tinha o diretor de futebol Adalberto Baptista como 'assistente', entregando camisas sem número, apenas com o nome dos reforços.

Entre os chamados, Jesus Lopes, com o microfone na mão, fazia comentários, como o que destinou a Bruno Cortês, o primeiro a aparecer. "Que você mantenha as atuações que tem tido pela Seleção Brasileira", disse ao lateral esquerdo, brincando ao chamar logo na sequência do cabeludo ex-jogador do Botafogo o careca Edson Silva.

"O que sobra de cabelo em um falta em outro", sorriu o vice-presidente, revelando ainda, no fim, que escondeu por bastante tempo a contratação de Paulo Miranda, vindo do Bahia. "O último é o primeiro contratado, está acertado há quase seis meses", avisou.

Ao final da apresentação, o quinteto de reforços ganhou aval para fazer graças com a bola. Quem demonstrou menor habilidade foi Paulo Miranda, que arriscou algumas embaixadas, errou rapidamente e decidiu apenas rolar a bola de um pé a outro, girando o corpo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.