Tamanho do texto

Ex-atacante classificou como absurda a agressão ao volante do clube do Palestra Itália

O ex-atacante Ronaldo "Fenômeno" ficou indignado com as agressões sofridas pelo volante palmeirense João Vitor na tarde desta terça-feira, em local próximo à loja oficial do clube no Palestra Itália. Pelo 'twitter', o ex-corintiano mandou um recado de solidariedade ao jogador.

"É um absurdo o que aconteceu com o jogador João Vitor, do Palmeiras. Mais que minha solidariedade, minha indignação com a agressão sofrida", escreveu o maior artilheiro da história das Copas do Mundo.

Um grupo de torcedores irritados com a má fase do Palmeiras no Campeonato Brasileiro foi responsável pela agressão a João Vitor, que sofreu escoriações leves e precisou ser levado a um hospital. Contundido, ele não viajou com a delegação para enfrentar o Flamengo, quarta.

Ronaldo pendurou as chuteiras após a eliminação do Corinthians diante do colombiano Tolima, na fase preliminar da última Copa Libertadores deste ano. A derrocada inesperada provocou reações violentas de torcedores do Timão e, à época, o Fenômeno também mostrou-se inconformado.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.