Tamanho do texto

Meia preferiu não dar entrevistas depois do colega de time afirmar que ele deveria ser cobrado pela torcida

O clima no Cruzeiro está longe de ser tranquilo nesse momento. Sem vencer há quatro rodadas no Brasileirão, os bastidores estão agitados depois das polêmicas declarações de Gilberto no aeroporto de Confins , quando o time foi recebido com protesto por torcedores. O meia Roger , citado pelo colega de time, preferiu não entrar na polêmica e não deu entrevistas nessa terça-feira.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

Gilberto foi o jogador mais cobrado pela torcida no aeroporto e disparou contra os colegas de time. O armador afirmou que outros jogadores também deveriam ser cobrados e citou o nome de Roger, uma antiga desavença no elenco cruzeirense.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e convide os seus amigos

Na reapresentação do grupo nessa terça-feira, Roger foi o atleta escolhido para conceder entrevistas. Todavia, o jogador preferiu não falar e o uruguaio Victorino foi quem deu entrevista. Nenhum membro da diretoria também se pronunciou sobre o assunto na Toca da Raposa II.

Gilberto não treinou com os colegas no campo de jogo, quando o restante do grupo fez trabalhos físicos. O meia realizou atividades na academia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.