Tamanho do texto

Atacante recém-contratado diz que acompanhou a campanha da Portuguesa na Série B e exalta as qualidades do time

O atacante Rodriguinho marcou o primeiro gol da Portuguesa na temporada 2012, em amistoso realizado neste sábado no CT do Parque Ecológico. O adversário foi o Audax, que empatou com Paulo César e definiu o placar do duelo. Após o compromisso, ele garantiu que, mesmo atuando pelo Atlético-PR , não tinha como não acompanhar a Portuguesa em 2011.

Leia também: Amistoso entre Corinthians e Portuguesa terá homenagem a Sócrates e Capitão

Campeã brasileira da Série B com 17 pontos de vantagem em relação ao Náutico, o vice, a Portuguesa sobrou na disputa da e até mesmo os jogadores do Atlético-PR, que lutavam contra o rebaixamento - que acabou se confirmando -, assistiam ao torneio só para ver o time de Jorginho jogando.

"É estilo o Barcelona mesmo, time com muita aproximação e posse de bola. Tem o contra-ataque rápido, assim como a recomposição e o desarme na mesma medida. Todo mundo viu que era um estilo parecido mesmo. Todo mundo da Série A que assistia conseguiu ver que a Portuguesa estava sobrando mesmo", afirmou Rodriguinho.

O atacante foi um dos principais reforços contratados para o Campeonato Paulista e para a elite do Brasileirão. Os outros foram: o goleiro Rodrigo Calaça, os volantes Léo Silva e Maylson, e os atacantes Wilson Júnior, Rafael Oliveira e Vandinho. O meia-atacante Tartá, do Fluminense, e o zagueiro Gustavo, ex-Palmeiras e Botafogo, só dependem de exames médicos. Já o atacante Caio, também do Botafogo, ainda negocia.

Neste sábado, Jorginho armou a Portuguesa da seguinte maneira: Wéverton; Luis Ricardo, Leandro Silva, Renato e Marcelo Cordeiro; Boquita, Léo Silva, Henrique e Edno; Vandinho e Rodriguinho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.