Tamanho do texto

Os torcedores criticaram e vaiaram o volante após empata por 2 a 2 contra o Vasco, na Arena da Baixada

Contratado em março após se desentender com a diretoria de seu antigo clube, o Atlético-GO , o volante Robston ainda não caiu nas graças da torcida do Atlético-PR. Após o empate por 2 a 2 com o Vasco , na Arena da Baixada, em partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, o jogador recebeu críticas dos torcedores do Atlético-PR , que, segundo o próprio Robston, são justas.

"Não vou mentir. Estou deixando muito a desejar por tudo o que foi criado de expectativa sobre mim. Estou bastante chateado com isso, vi os torcedores cobrando, mas eles estão com razão. Ainda não consegui mostrar o meu verdadeiro futebol", afirmou o jogador em entrevista ao jornal A Gazeta do Povo .

No Atlético-PR, Robston atuou em 12 jogos, mas ainda não marcou gols. Neste período, o volante afirma não ter conseguido mostrar nem 50% de seu real potencial. Por isso, o jogador fez um pedido ao torcedor: que tenha paciência.

"Sei que eu estou devendo muito, não é pouco, por tudo o que sei jogar e produzir. É só pedir desculpas e paciência ao torcedor e daqui para frente ter um desempenho melhor", prometeu o jogador.

Como o Campeonato Paranaense já foi conquistado pelo Coritiba, resta ao Atlético a disputa da Copa do Brasil. Nesta quinta-feira, o time jogará, em São Januário, contra o Vasco, pela partida de volta das quartas de final do torneio. Quem avançar deste duelo enfrenta o vencedor de São Paulo e Avaí - na partida de ida, o São Paulo venceu, no Morumbi, por 1 a 0.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.