Tamanho do texto

Jogador vestiu a camisa do Bahia na última temporada e foi anunciado como treinador do time de Curitiba nesta manhã

Divulgação/Site Oficial
Ricardinho (centro) foi anunciado nesta quarta-feira como técnico do Paraná Clube
O Paraná Clube anunciou, na manhã desta quarta-feira, o seu novo técnico. Quem assumirá o time que vai dispustar a Série B do Brasileirão em 2012 será o pentacampeão mundial em 2002 Ricardinho . O meia decidiu se aposentar dos gramados e assumir a função fora das quatro linhas.

Leia mais sobre o mercado da bola no futebol brasileiro

Segundo o superindente Celso Bittencourt, a chegada de Ricardinho faz parte do projeto traçado de reorganização e profissionalização do futebol paranista. “Para superar as dificuldades precisamos de competência e paixão. Ricardinho tem os dois. Ele está alinhado com o projeto que temos para reerguer o clube e colocar o Paraná em destaque nacional”, afirmou o dirigente ao site oficial da equipe.

A nova função representa a aposentadoria do meia. Ricardinho assiniou a rescisão do contrato com o Bahia na noite de terça-feira. O vínculo com o time de Salvador iria até o final deste ano. Além de já não ter se reapresentado com o clube na semana passada, a diretoria do Bahia entendia que os gastos com o pentacampeão do mundo vinham sendo desnecessários. Com um elenco repleto de jogadores para a posição, os dirigentes pretendiam investir a quantia gasta com o meia na valorização do atacante Souza e do zagueiro Titi, que ainda não renovaram seus contratos com a equipe de Salvador.

Ricardinho será apresentado como técnico do Paraná nesta quinta-feira, às 17h (horário de Brasília), na sede social do clube. O novo trabalho representa a volta do meia ao time de Curitiba, que o projetou como jogador, na década de 90. Lá ele conquistou o Campeonato Paranaese três vezes, em 1995, 1996 e 1997, antes de seguir para o Bordeaux, da França. 

Leia também: Antes de Ricardinho, mais da metade da geração do penta já estava aposentada

O Paraná retoma suas atividades nesta quarta-feira tendo apenas 13 jogadores. Para compor o elenco, a diretoria vai recorrer à base do time. O grupo terá cerca de um mês e meio para preparar a equipe para a estreia da Copa do Brasil. Em compensação, caso a Segundona do Estadual não seja antecipada, o clube passará por um segundo semestre corrido, com duas competições simultâneas: Paranaense e Série B do Brasileirão.

*com agências

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.