Tamanho do texto

Após choque na cabeça, zagueiro do Vasco é liberado e volta aos treinos na tarde desta terça-feira

Hilton Mattos
Zagueiro Renato Silva foi liberado para voltar aos treinos do Vasco
Depois do susto, Renato Silva volta aos treinos. Na manhã desta terça-feira, o zagueiro do Vasco esteve no Hospital Pasteur, no Méier, Zona Norte do Rio, onde o técnico Ricardo Gomes está internado desde o último dia 28, para ser avaliado pelo mesmo neurocirurgião que operou o treinador após AVC hemorrágico durante o clássico com o Flamengo. Renato Silva sofreu um choque com Luccas Costa , do Coritiba, na última quinta-feira, pelo Campeonato Brasileiro, e ficou em observação no Quinta D’Or por 24 horas. Não enfrentou o Figueirense, domingo, e sua reapresentação estava prevista para terça.

Antes, porém, o jogador seria reavaliado. No mesmo dia do incidente, ele foi submetido a exame de tomografia. Não houve lesão no crânio nem na coluna cervical. No entanto, de acordo com os médicos, o protocolo pede outra avaliação. O Vasco conseguiu fazer com que o zagueiro fosse atendido por José Antônio Guasti, que comandou a delicada neurocirurgia para drenagem de hematoma cerebral e controle da hipertensão intracraniana - procedimento que durou aproximadamente três horas.

“Estou bem. Já tinha feito exames no dia do acidente, não deu nada, não acusou nada. Mas era um exame de rotina, o médico disse que estou bem. Agora é treinar. Hoje já me apresenta, às 15h30, treino com o grupo”, disse o jogador, animado com a recuperação do comandante.

“Mudou muito para a última vez que o vi. Ele se movimenta, tenta falar um monte de coisa. Algumas saem bem, outras fala pausadamente. A impressão é que em duas semanas ele estará com a gente no campo”, comentou o zagueiro.

Depois de ser examinado, Renato Silva aproveitou para visitar o técnico Gomes, que desde segunda-feira, após receber alta da UTI, foi transferido para o quarto. Os dois são amigos desde quando trabalharam no São Paulo, em 2010. Com 42 pontos, o Vasco enfrenta o Grêmio, sábado, em São Januário, brigando pela liderança do Brasileiro. O Corinthians (43) segue na ponta competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.