Tamanho do texto

Atacante foi a contratação mais cara da história do clube mineiro, mas pouco mostrou em campo

A torcida do Atlético-MG criou uma expectativa muito grande quando o atacante Guilherme foi contratado, no ano passado. Precisando de um ídolo depois da saída de Diego Tardelli , os atleticanos acabaram se frustrando, já que a primeira temporada do jogador não foi das melhores. Todavia, Guilherme espera calar os críticos em 2012 e reencontrar o caminho das redes.

Leia também: Rafael Marques está próximo de acerto com o Atlético-MG

O atacante é muito cobrado pela torcida e justifica as poucas partidas com a camisa do Atlético-MG. "O grande problema foi a lesão. Vai falar o quê de um jogador que chega em março e joga 16 partidas?", questionou o jogador. Guilherme teve três lesões musculares em 2011 e marcou apenas dois gols pelo clube mineiro. O jogador custou seis milhões de euros aos cofres atleticanos.

Guilherme sabia da pressão que estava envolvida em sua contratação. "Já vim preparado. Sabia de tudo que circulava essa contratação, a torcida adversária, cifras, saída do Tardelli. Mas espero ter um ano melhor, tanto eu quanto o Atlético-MG. Eu entendo o torcedor, que tem o direito de falar o que quer. E eu não vou discordar", avaliou o atacante.

O jogador disse que a pior fase já ficou no passado e espera novos tempos em 2012. "Ano passado foi questão de adaptação, estou totalmente adaptado, sem nenhum tipo de problema, pronto para ajudar o Atlético, a ter um ano bom", disse o jogador.

O técnico Cuca acredita no potencial do ex-jogador do Cruzeiro. "O Guilherme tem muita qualidade, é um jogador que com trabalho vai render o esperado por todos", concluiu o comandante atleticano.

Entre para a torcida virtual do Atlético-MG e comente a fase de Guilherme

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.