Tamanho do texto

Assim como antes dos jogos contra Corinthians e Santa Cruz, técnico adota mistério para enfrentar o Goiás

Surpreendido pelo Santa Cruz no jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil , no Recife, o São Paulo aprendeu a lição. Para esconder o jogo, como fez antes da partida de volta diante dos pernambucanos e antes do clássico contra o Corinthians pelo Paulistão, o técnico Paulo César Carpegiani mais uma vez fechará o treino do time antes do jogo desta quarta-feira contra o Goiás .

Na manhã desta terça-feira, na última atividade antes da viagem para Goiânia, o treino do São Paulo começará às 9h30, mas a imprensa só terá acesso ao CT da Barra Funda uma hora depois. Nas outras duas ocasiões, a decisão obteve sucesso, já que o São Paulo venceu o Corinthians por 2 a 1, encerrando um tabu de mais de quatro anos, e o Goiás por 2 a 0, garantindo a classificação na Copa do Brasil.

Até por isso, a escolha de Carpegiani conta com o apoio dos jogadores. “O treino fechado é uma estratégia para preservar o time, não dar brecha para o adversário. Em um jogo decisivo qualquer detalhe é importante. Preservar o time até algumas horas antes pode ser uma estratédia importante para não dar o ouro pro bandido”, disse o ala Ilsinho .

A partida contra o Goiás, no estádio Serra Dourada, acontece às 21h50 de quarta-feira e o São Paulo irá para Goiânia no início da tarde de terça. Também na quarta, cerca de três horas antes do jogo, acontece a eleição do clube, com Juvenal Juvêncio concorrendo ao terceiro mandato consecutivo e Edson Lapolla como candidato da oposição .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.