Tamanho do texto

Equipe paraense não conseguiu obter vantagem em casa. Quem ganhar em Salvador pegará o Atlético-PR

O Paysandu não conseguiu estabelecer vantagem para decidir a vaga às oitavas de final na casa do adversário. Jogando em casa, o time bicolor ficou no empate por 0 a 0 com o Bahia , que será mandante no jogo de volta, semana que vem. Quem se classificar enfrenta o Atlético-PR.

O equilibrado primeiro tempo demorou a ter grandes emoções. A primeira delas foi a expulsão de Mendes, do time da casa, aos 26 minutos do primeiro tempo. Àquela altura, o Bahia começava a ignorar a pressão dos torcedores e ensaiava dominar as ações.

Lance da partida disputada no Mangueirão, em Belém
Futura Press
Lance da partida disputada no Mangueirão, em Belém

No entanto, a superioridade numérica durou pouco tempo. Nove minutos depois do cartão vermelho para o jogador do Paysandu, Ramon também foi para o chuveiro mais cedo, prejudicando o Tricolor de Aço.

O equilíbrio do início voltou, mas o Bahia foi quem criou as oportunidades mais claras. Uma delas veio com Dodô, lateral revelado pelo Corinthians que está emprestado ao time nordestino. A melhor, porém, esteve nos pés de Marcos, que não aproveitou a liberdade e desperdiçou ótima chance à frente do arqueiro rival.

FICHA TÉCNICA - PAYSANDU 0 X 0 BAHIA

Local: estádio Mangueirão, em Belém (PA)
Data: 29 de março de 2011
Horário: 21h50 (Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)
Assitentes: Jose do Nascimento Junior (DF) e Geison Mendes dos Santos (MA)

Cartões Amarelos:Alex Oliveira (Paysandu); Thiego (Bahia)
Cartões Vermelhos:Mendes (Paysandu); Ramon (Bahia)

PAYSANDU : Alexandre Favaro; Sidny, Hebert, Ney Baiano e Elton Lira; Alexandre Carioca, Billy, Alisson (Vanderson) e Alex Oliveira (Zé Augusto); Rafael Oliveira (Sandro) e Mendes. Técnico: Sérgio Cosme

BAHIA : Omar; Marcos, Thiego, Titi e Dodô; Marcone, Hélder (Camacho), Boquita e Ramon; Robert (Zezinho) e Souza (Rafael). Técnico: Vagner Benazzi

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.