Tamanho do texto

Com titulares poupados para a Libertadores, time vence por 3 a 0 na abertura do Carioca

O Fluminense não teve dificuldade para superar o Friburguense, na tarde desta sábado, em Moça Bonita, na abertura do Campeonato Carioca . Mesmo com um time misto, a equipe tricolor, sob o forte calor em Bangu, Zona Oeste do Rio, venceu por 3 a 0, gols de Araújo, Rafael Moura e Thiago Carleto.

De acordo com o planejamento traçado ainda em dezembro, os titulares só estreariam na competição regional após a terceira rodada. A prioridade para 2012 é a Copa Libertadores. Daí a indiferença com as primeiras rodadas do estadual.

O calor que castigou Bangu foi ainda pior para os jogadores do Friburguense, já que a temperatura na região serrana do Rio costuma ser baixa, sem falar nas fortes chuvas que nos últimos anos vêm devastando a cidade.

Rafael Moura comemora com os companheiros após deixar sua marca diante do Friburguense
Gazeta Press
Rafael Moura comemora com os companheiros após deixar sua marca diante do Friburguense

Com a bola rolando, o Fluminense, apesar do time B, repetiu o esquema de jogo dos titulares. E foi para cima do adversário buscando logo o gol. É senso comum entre as equipes de grande investimento que, em competições regionais, desperdiçar pontos para os chamados pequenos em casa é mau negócio.

E logo o Fluminense abriu o marcador. Na verdade, teve a honra de marcar o primeiro gol do Carioca 2012. Após belo passe de Rafael Moura, Araújo só teve o trabalho de escolher o canto e tocar à direita do goleiro Marcos: 1 a 0.

Rafael Moura estava em tarde inspirada. Além de deixar Araújo na cara do gol, foi dele o segundo do Fluminense. Antes, de cabeça, acertara o travessão. Mas em seguida, com habilidade e oportunismo, tirou o goleiro da jogada com um toque por cobertura, mandando a bola para o fundo da rede: 2 a 0.

No segundo tempo, o Fluminense voltou a com a mesma disposição. Por pouco, Martinuccio não fez um gol de placa. Ele entrou driblando os adversários, fez fila indiana, mas na hora da conclusão chutou torto. Em contrapartida, Thiago Carleto teve a sorte de cobrar falta da direita e a bola desviar em Sérgio Gomes: bola no ângulo direito do goleiro, que nada pôde fazer: 3 a 0. O árbitro assinalou gol para Carleto.

A partir, o técnico Abel Braga pediu que os jogadores diminuíssem o ritmo. Até por conta do forte calor. O Friburguense ainda promoveu três alterações, mas nada capaz de mudar o panorama da partida.

Wellington Nem participou da estreia vitoriosa do Fluminense no Campeonato Carioca 2012
Gazeta Press
Wellington Nem participou da estreia vitoriosa do Fluminense no Campeonato Carioca 2012


FICHA TÉCNICA - FLUMINENSE 3 X 0 FRIBURGUENSE

Local: estádio Moça Bonita, em Bangu (RJ)
Data: 21/1/2012 (Sábado)
Hora : 17h (de Brasília)
Árbitro : Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ)
Assistentes: Wagner de Almeida Santos e Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ)
GOLS : Fluminense - Araújo, 13 minutos do primeiro tempo; Rafael Moura, aos 36; e Thiago Carleto, aos 7 do segundo tempo
Cartões amarelos: Márcio Rosário e Lucas

FLUMINENSE : Ricardo Berna; Souza, Digão, Márcio Rosário e Thiago Carleto (Lucas Patinho); Valência, Jean, Wellington Nem e Martinuccio (Fábio): Araújo e Rafael Moura
Técnico: Abel Braga

FRIBURGUENSE: Marcos; Sérgio Gomes, Cadão, Evair e Flavinho; Marcelo, Bidu, Lucas e Jorge Luiz (Vitor Hugo); Diego Santos (Rômulo) e Ricardinho (Ziquinha)
Técnico: Gerson Andreotti


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.