Tamanho do texto

Meio-campista faz eco a Valdivia e pede mais contratações para fechar o elenco de 2012

O volante Marcos Assunção está confiante na união do grupo do Palmeiras para a temporada. Contestado pela principal torcida organizada do clube em 2011, o jogador alega que o grupo está tranquilo diante dos problemas e ainda se esquivou de polêmicas com as arquibancadas. "O Palmeiras tem um grupo muito bom e legal, não tem traíra no grupo. Todos os jogadores se respeitam e somos como uma família. Aconteceu comigo e com o Luan (os protestos), mas poderia ter acontecido com outros jogadores. Tenho um respeito muito grande pela torcida, independentemente do que aconteceu", afirmou.

FICHAS DE JOGADORES: Veja tudo sobre o volante Marcos Assunção

Aos 35 anos, Assunção exerce um papel de liderança no elenco do técnico Luiz Felipe Scolari e, apesar de elogiar os colegas, sabe que o clube alviverde ainda precisa se reforçar mais para a temporada - pedido também feito por Valdivia . "A maioria dos times contratou, e a diretoria do Palmeiras está trabalhando para trazer mais jogadores que o Felipão pediu. Os outros times se fortaleceram bem, mas bem mesmo, e nós temos de confiar em nosso futebol e em nossa vontade, acima de tudo, para conseguirmos alguma coisa. Vamos esperar que a diretoria traga mais reforços para o grupo ser competitivo em 2012", completou.

Assunção e Luan passaram por maus bocados com a torcida do Palmeiras. Volante diz que brigas são passado
AE
Assunção e Luan passaram por maus bocados com a torcida do Palmeiras. Volante diz que brigas são passado
Até o momento, o Palmeiras acertou as contratações do zagueiro paraguaio Adalberto Román , do lateral esquerdo Juninho , do meio-campista Daniel Carvalho e do atacante argentino Hernán Barcos. O clube está perto também de acertar com o lateral direito Artur , do São Caetano. Uma reunião marcada para esta quinta-feira pode definir a contratação .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.