Tamanho do texto

Treinamento desta sexta-feira na Argentina teve 15 minutos de coletivo e chutes a gol

Corrigir erros. Na entrevista coletiva desta sexta-feira Mano Menezes disse que treinou com o mesmo time durante toda semana para acertar a equipe que vai estrear na Copa América contra a Venezuela, no próximo domingo. No trabalho da tarde, o técnico colocou em prática o que havia falado.

O treinamento coletivo durou aproximadamente 15 minutos. O trabalho foi interrompido algumas vezes para orientações do técnico. Em uma delas, Mano Menezes repreendeu o atacante Alexandre Pato por tentar tocar uma bola de calcanhar. “A jogada era boa, não era para fazer isso”, afirmou o treinador.

Pato marcou um gol no treino, mas foi repreendido por dar toque de calcanhar
Ricardo Stucker/CBF
Pato marcou um gol no treino, mas foi repreendido por dar toque de calcanhar
O atacante do Milan, titular na seleção brasileira, foi o único a marcar um gol na primeira parte do trabalho. Depois, os jogadores exercitaram finalizações.

O clima durante o trabalho foi de descontração. O goleiro Julio Cesar provocou os atacantes durante os chutes. Neymar foi a principal vítima do jogador da Internazionale.

“Olha ai, é só colocar um pouquinho de pressão que já era”, disse o arqueiro, após Neymar errar um chute. Depois foi a vez de Pato errar e ser ‘cornetado’. “Se continuar assim, vão ter que servir o jantar”, gritou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.