Tamanho do texto

O volante foi destaque da Portuguesa durante a campanha pelo título da série B e continua sendo sondado pelo Corinthians

Destaque da Portuguesa durante a campanha do título da Série B, o volante Guilherme continua sendo sondado pelo Corinthians . As primeiras propostas foram apresentadas ao clube lusitano em outubro, mas os valores apresentados não conveceram a diretoria, que pretende manter um dos seus principais atletas para a temporada deste ano.

Os representantes do volante disseram, na sexta-feira, que queriam uma reunião com a diretoria da Portuguesa para apresentar a última proposta feita pelo Corinthians e decidir o futuro do atleta.

Leia também: Jorginho acredita que negociação com o Corinthians fará bem a Guilherme

"Eu e o Wagner (Ribeiro) vamos nos encontrar com o Luís Iaúca (vice-presidente) para conversamos. Pelo sim ou pelo não, vamos sentar e ver o que é melhor para o Guilherme", disse o empresário Eduardo Maluf.

A assessoria de imprensa da Lusa, entetanto, negou o encontro e disse que o atleta só sai mediante pagamento de uma multa rescisória de R$ 50 milhões.

Mesmo assim, o Timão não desiste de contar com o atleta em seu elenco e reforçar ainda mais o setor, que já conta com Ralf e Paulinho.

E também: Lusa e empresário tratarão sobre ida de Guilherme ao Corinthians

O Corinthians pretende adquirir parte dos direitos do jogador para valorizá-lo durante a disputa da Copa Libertadores neste ano. A intenção é garantir uma porcentagem para a Lusa, o que asseguraria uma boa quantia financeira para o clube em caso de futuras negociações.

Mais do que a transferência, os empresários de Guilherme querem uma valorização salarial para o atleta, que foi uma das maiores revelações do país no ano passado.

O presidente do clube, Manuel da Lupa, garante a permanência de um dos seus mais importantes jogadores. "Ele não está à venda e faz parte dos nossos planos. Não vejo nada demais em o jogador defender o Corinthians no futuro. Mas, pelo menos no próximo ano, ele fica no Canindé", garantiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.