Tamanho do texto

Ex-presidente do Vasco relembrou alguns momentos do jogador com a camisa do Vasco durante a sua gestão

Eurico fuma charuto nas arquibancadas de São Januário
Hilton Mattos
Eurico fuma charuto nas arquibancadas de São Januário
Desaparecido de São Januário desde meados de 2008, Eurico Miranda reapareceu nesta quarta-feira para acompanhar a despedida de Edmundo. O ex-presidente do Vasco rasgou elogios ao atacante, campeão brasileiro pelo time carioca em 1997 e afirmou que acompanharia o jogo até na Europa.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Se a despedida fosse na Europa, eu iria também. Eu tinha que ver o Edmundo. Ele significou muito pra mim", disse o ex-dirigente, que também o comparou a Romário. "Ele está no mesmo nível do Romário. São os maiores jogadores que eu vi jogarem na minha gestão do Vasco", afirmou Eurico Miranda.

Leia mais: Após esperar mais de 3 anos, Edmundo finalmente dá adeus à bola

Edmundo foi o principal jogador do Vasco na campanha do título brasileiro de 1997, marcando 29 gols em 28 jogos, média de mais de um gol por partida. Eurico lembrou a 'reboladinha' do atleta na vitória contra o Flamengo no Brasileirão daquele ano. Naquela ocasião, Edmundo fez três gols na goleada do Vasco sobre o Flamengo, por 4 a 1. 

Confira ainda: Fernando Prass completa 200 jogos pelo Vasco na festa de Edmundo

"Se o Edmundo não tivesse conquistado nenhum título pelo Vasco, só a reboladinha na comemoração do gol contra o Flamengo já valia", declarou Eurico, após chegar a São Januário nesta quarta-feira.

O adversário do Vasco nesta noite será o Barcelona de Guayaquil, rival do time carioca na final da Libertadores de 1998, quando a equipe dirigida por Antônio Lopes venceu o torneio. Edmundo não participou da campanha do time na competição, mas foi decisivo na classificação da equipe para o torneio, devido às suas atuações no Brasileiro de 1997. Eurico ainda elogiou a escolha de Edmundo pelo adversário desta quarta.

"Edmundo fez a coisa certa em escolher esse adversário. Porque ele foi o responsável em colocar o Vasco na Libertadores, devido ao título de 1997. Ele foi bastante decisivo naquela campanha", concluiu Eurico, que presidiu o Vasco entre os anos de 2001 e 2008. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.