Tamanho do texto

Elias afirmou que entende a cobranças desde que sejam feitas sem violência: "Está no direito, mas tem que saber respeitar"

André lamenta pênalti perdido em jogo que eliminou o Corinthians
Rodrigo Coca/Eleven/Estadão Conteúdo 04.05.2016
André lamenta pênalti perdido em jogo que eliminou o Corinthians

Revoltados com a eliminação na Libertadores, três torcedores corintianos arrumaram confusão logo após o empate entre Corinthians e Nacional, por 2 a 2, na noite desta quarta-feira (4), no Itaquerão. Os três torcedores tentaram invadir o vestiário, passando pelo espaço reservado à zona mista, onde os jogadores dariam entrevistas.

Seguranças do estádio evitaram maiores problemas e expulsaram os três, que gritavam "Time sem vergonha" e "Vamos jogar bola" no local.

O técnico Tite condenou a atitude desse pequeno grupo. "Três torcedores não merecem meu respeito. Outros 35 milhões merecem. Aqui ninguém é vagabundo", afirmou o treinador em entrevista coletiva após o confronto válido pelas oitavas de final da competição continental.

O volante Elias afirmou que entende a cobranças desde que sejam feitas sem violência. "O torcedor está no seu direito. Se quiser conversar, a gente conversa, mas tem que saber respeitar", ressaltou.

O Corinthians foi eliminado após empatar por 2 a 2 porque houve empate sem gols na primeira partida das oitavas, em Montevidéu, na semana passada. Foi a segunda eliminação consecutiva do Corinthians nesta fase da Libertadores.