Tamanho do texto

Treinador disse que só não tolera falta de comprometimento e respeito no Grêmio

Na quinta-feira, Marquinhos e André Lima demonstraram contrariedade no Grêmio . O meia reclamou da reserva e o centroavante não gostou de trocar o treino com bola por um trabalho de recondicionamento físico.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

As duas situações foram encaradas com naturalidade pelo técnico Julinho Camargo. Nesta sexta-feira, após o trabalho físico comandado pelo preparador Flávio de Oliveira, o treinador descartou haver indisciplina no grupo e, portanto, disse não ser necessário punir a dupla.

“As duas manifestações foram normais e tranquilas. Estou há 22 anos no futebol e todo o jogador reclama de trocar a bola pelo físico. Foi o caso do André. O Marquinhos disse que deseja jogar. Todo o atleta que está comigo tem de pensar estar no time”, analisou o técnico.

Julinho aproveitou a oportunidade para explicar quais as regras de comportamento que exige dos seus jogadores:

“Não tolero situações que conflitem com o trabalho e o respeito. E só joga quem merece pela produção dentro das quatro linhas”.

O Grêmio enfrenta o Figueirense, em Florianópolis, na quarta-feira, em horário a definir. Neste sábado, treina em dois turnos. O domingo é de folga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.