Tamanho do texto

Após reunião com a diretoria por conta dos atrasados, grupo decide se apresentar apenas às 10h no hotel

A diretoria do Vasco não teve como impedir que os jogadores boicotassem a concentração para o jogo desta quarta-feira, em Moça Bonita, contra o Bangu, pela terceira rodada do Campeonato Carioca . Após o treino da manhã , um grupo de jogadores se reuniu com os dirigentes e, insatisfeitos, com o atraso no pagamento dos salários, anunciou que os jogadores não vão se concentrar.

A atitude é uma represália ao não-pagamento do 13º e parte dos direitos de imagem. Ficou combinado que os jogadores vão se reunir às 10h no hotel que serve concentração, na Barra da Tijuca (Zona Oeste do Rio), almoçam e partem para o estádio. A bola rola às 17h.

Daniel Freitas cencede entrevista no Cefan
Hilton Mattos
Daniel Freitas cencede entrevista no Cefan
Na última sexta-feira, o diretor de futebol Daniel Freitas quitou parte dos atrasado s. Mas não foi o suficiente para evitar o protesto do grupo. Liderados por Felipe, Juninho Pernambucano, Diego Souza, Fernando Prass e Alecsandro, os jogadores apresentaram a contrapartida de não se concentrar por conta do falta de pagamento.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Não houve mal-estar no contato realizado no começo da tarde. Daniel comentou que a decisão tomada pela maioria não foi a correta, mas os cartolas acataram o boicote. O dirigente disse ainda que o presidente Roberto Dinamite segue buscando recursos para deixar as finanças em dia com o grupo.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba notícias do time em tempo real

"O presidente está fazendo todos os esforços possíveis para pôr tudo em ordem. Os jogadores disseram que seria apenas nesse jogo, e eu espero que amanhã este problema já esteja solucionado", disse o diretor de futebol vascaíno.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.