Tamanho do texto

Lateral ainda comentou a falha de Rogério Ceni e as declarações polêmicas de Dagoberto depois de goleada

A sequência de cinco vitórias seguidas do São Paulo no início do Brasileirão acabou da pior forma possível, com goleada sofrida diante do arquirrival Corinthians , no Pacaembu. Ainda buscando explicações para o vexame, o lateral direito Jean se apoiou no fato de que o time ainda permaneceu na liderança do torneio para cobrar uma reação imediata na competição.

Siga o iG São Paulo e o autor Mário André Monteiro no Twitter

"A gente quer se reerguer rapidamente, assim como aconteceu depois da derrota para o Avaí. Temos dois dias para trabalhar e nos recuperarmos na partida contra o Botafogo. O que é muito importante para nós é olharmos para a tabela e saber que ainda somos líderes", disse o camisa 2, titular no duelo de domingo.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

Sobre a atuação desastrosa do São Paulo no clássico, Jean evitou dar explicações para o 'apagão' no segundo tempo. Para o jogador, a expulsão de Carlinhos Paraíba ainda no primeiro tempo não foi o único motivo para a atuação ruim da equipe.

Jean falou nesta terça no CT do São Paulo
Vipcomm
Jean falou nesta terça no CT do São Paulo
"Você pensa em várias desculpas depois do jogo, mas não dá para dar um motivo só. Jogar com um jogador a menos é sempre ruim, mas os jogadores que estavam em campo não conseguiram acertar no segundo tempo. Erramos na marcação e o Corinthians foi feliz nas finalizações", ponderou Jean.

O lateral ainda falou sobre a falha de Rogério Ceni no 5º gol corintiano e tem certeza de que o capitão saberá dar a volta por cima. "Ele deve ser o jogador que mais sente uma derrota como essa. Tenho certeza que ele ficou muito triste, ele sabe da liderança que tem com o grupo, ele mesmo chegou após o jogo do Avaí e falou comigo, e eu dei a volta por cima. E não é a toa que ele é o que é, ele tem essa liderança, sabe o que fazer em momentos difíceis. Ele sabe reerguer o time", avaliou.

Sobre as fortes declarações de Dagoberto ao final da partida, quando o atacante disse que a relidade do São Paulo era essa, Jean desconversou e não quis criticar o companheiro. "Cada um se expressa de uma forma, cada um sai mais agitado de um jogo. Mas somos líderes, temos que trabalhar em cima disso, com essa consciência, isso que nos fortalece nesse momento, temos condições de ser campeões e continuar nessa pegada", finalizou.

Com 15 pontos em seis jogos, o São Paulo ainda é o líder do Campeonato Brasileiro, mas tem um aproveitamento menor do que o Corinthians que, com uma partida a menos, já somou 13 pontos na competição. Na quarta-feira, o time encara o Botafogo, às 21h50 (de Brasília), no Morumbi.

null

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.