Tamanho do texto

Time do técnico brasileiro virou sobre a Jordânia e avançou para a quarta e última fase das eliminatórias

selo

Comandado pelo técnico Zico, o Iraque deu, nesta terça-feira, mais um importante passo em busca da classificação para a Copa do Mundo de 2014, que será disputada no Brasil. Mesmo jogando fora de casa, em Amman, a seleção iraquiana virou sobre a Jordânia, venceu por 3 a 1 e avançou para a quarta e última fase das eliminatórias da Ásia. O resultado elimina a China, que ainda sonhava com classificação e já não tem mais chances de participar da próxima Copa.

O Iraque entrou em campo em Amman precisando apenas de um empate contra a Jordânia, que já estava classificada e ostentava 100% de aproveitamento em quatro rodadas. A equipe comandada por Zico saiu perdendo, num gol marcado por Hasan Mahmoud, aos 17 minutos. O empate veio já na segunda etapa, com Nashat Akram. Qusai Munir fez o gol da virada, aos 22. No fim, Akram voltou a marcar para fechar a contagem.

Com a vitória do time de Zico, tanto o Iraque quanto a Jordânia chegaram a 12 pontos no Grupo A e não podem mais ser ultrapassados pela China, que tem seis e já está eliminada. Na sexta, os iraquianos conseguiram uma vitória heroica sobre os chineses, por 1 a 0, com um gol aos 45 minutos do segundo tempo. Cingapura, que só perdeu, também já não tem chances de vir ao Brasil. Nesta fase, avançam os dois primeiros de cada um dos cinco grupos de quatro seleções cada.

A Coreia também poderia ter avançado de fase com antecedência, nesta terça-feira, mas perdeu para o Líbano, por 2 a 1, em Beirute. Os dois times têm 10 pontos, contra oito do Kuwait. Na última rodada, dia 29 de fevereiro de 2012, a Coreia tem confronto direto contra o Kuwait, em casa, e joga pelo empate. O Líbano visita os Emirados Árabes Unidos, que até aqui só perderam, e deve garantir classificação com tranquilidade.

A Austrália não desperdiçou a chance. Jogando em Bangcoc, venceu a Tailândia por 1 a 0 e foi aos 12 pontos no Grupo D, também carimbando passaporte para a quarta e última fase das Eliminatórias. No outro jogo da chave, a Arábia Saudita empatou em 0 a 0 com Omã e perdeu a oportunidade de também avançar de estágio. Na última rodada, precisará vencer a Austrália, fora de casa. Em caso de vitória australiana ou empate, avança quem vencer o jogo entre Omã e Tailândia, com mando do omaniano.

Pelo Grupo E, o Irã fez 4 a 1 na Indonésia, fora de casa e também se classificou com antecedência. No clássico dos petrodólares, Catar e Bahrein empataram em 0 a 0 em Doha e adiaram a decisão da segunda vaga. Os catarianos têm nove pontos e pegam o Irã, fora de casa, na última rodada, precisando de um empate. O Bahrein, que tem seis pontos, torce pelos iranianos e precisa vencer a Indonésia, em casa.

O Grupo C já estava definido desde sexta-feira, quando foi jogada a quarta rodada, com Japão e Usbequistão classificados, Coreia do Norte e Tajiquistão eliminados. Nesta terça, porém, os norte-coreanos surpreenderam os japoneses por 1 a 0 em Pyongyang.

Assim, já estão classificados para a quarta fase: Jordânia, Irã, Usbequistão, Japão, Austrália e Irã. Coreia do Sul, Líbano, Arábia Saudita e Catar dependem só de si, na última rodada, dia 29 de fevereiro, para também avançarem. Estes dez times serão divididos em dois grupos de cinco na última etapa das eliminatórias da Ásia. Os dois primeiros de cada chave se garantem na Copa. Os terceiros colocados jogam entre si e, quem passar, pega o quinto melhor time da América do Sul na repescagem. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.