Maguire viveu altos e baixos nas últimas temporadas junto ao Manchester United
Reprodução/Twitter
Maguire viveu altos e baixos nas últimas temporadas junto ao Manchester United

O zagueiro Harry Maguire (confira galeria de fotos abaixo)  falou sobre as críticas que sofreu durante a temporada pelo Manchester United e como isso tem afetado pessoalmente o jogador. Após uma temporada em que seu time sequer conseguiu se classificar para a  Champions de 2022/23, o defensor desabafou com relação às ameaças de bombas em sua casa.


"Há um limite. Somos seres humanos e eu tenho família. As pessoas me perguntam se isso me afeta. Minha mentalidade faz com que não me afete muito, mas quando se trata de uma ameaça de bomba, é mais sobre a família", disse.

Maguire disse que entende as críticas e isso vem do fato de ele defender um clube importante como o Manchester United e que sabe desta responsabilidade.

"Estou em uma posição em que serei criticado. O United pagou uma grande soma de dinheiro por mim. É um dos clubes mais amados do mundo e também um dos mais odiados do mundo. Sabemos que estamos sob o maior escrutínio. Aceito totalmente as críticas quando sofremos gols ou cometemos erros. Sou grande o suficiente para aceitar que as pessoas subam nas minhas costas e digam que posso melhorar. Sabemos que estamos sob o maior escrutínio. Aceito totalmente as críticas quando sofremos gols ou cometemos erros. Sou grande o suficiente para aceitar que as pessoas subam nas minhas costas e digam que posso melhorar."

As ameaças de bomba surgiram logo após a derrota do Manchester United para o Liverpool por 4 a 0, pela Premier League. O defensor inglês também falou sobre como as críticas, vaias e ameaças afetam os mais jovens, com quem Maguire conversou, após ser vaiado em um jogo pela seleção.

"Isso provavelmente os afeta (jovens jogadores da Inglaterra). Por isso foi um pouco decepcionante. Conversamos sobre isso em grupo. Mas tenho certeza de que haverá muitos bons momentos pela frente, quando os torcedores da Inglaterra mostrarão novamente seu apoio e amor."

O defensor concluiu, falando sobre ser o único jogador do Manchester United e que isso tem a ver com a temporada da equipe, que não foi boa e ainda disse que a Inglaterra é favorita para a próxima Copa do Mundo.

"É justo dizer. Depois da temporada que tivemos, todos os jogadores do Manchester United… quero dizer, só tenho eu aqui no elenco agora. Estamos entre os favoritos para a Copa do Mundo? Com certeza e com razão."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários