Juninho Pernambucano
Divulgação
Juninho Pernambucano

A temporada do Olympique de Lyon foi completamente desastrosa na França. Liderada pelo técnico Peter Bosz, a equipe está apenas na oitava posição da Ligue 1 e não deve disputar as competições europeias no próximo ano.

Para piorar, o comportamento de um zagueiro brasileiro abalou ainda mais os vestiários da equipe. Tudo começou na derrota para o Angers, por 3 a 0. Na oportunidade, segundo o jornal L'Équipe, Marcelo (ver galeria da fotos abaixo) , que estava na equipe há cinco temporadas, teve um comportamento que irritou o então diretor do time francês, Juninho Pernambucano. 

Ainda segundo a publicação, o brasileiro, que marcou um gol contra naquela partida, apareceu no vestiário soltando pum e rindo, atitude que enfureceu o diretor, que o separou do time argumentando "comportamento inadequado".

A partir do ocorrido, Marcelo não voltou a jogar pelo time principal do Lyon, tendo apenas alguns minutos com a equipe reserva antes de ser transferido para o Bordeaux, em janeiro passado.

Também em janeiro, Juninho deixou o cargo de diretor, após dois anos e meio na função, mas sem grandes feitos. Com ele, o time chegou à semifinal da Champions League. No entanto, o clube fez várias trocas de treinadores e  campanhas ruins no Francês.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários