Estado de Rincón é
Reprodução/Twitter
Estado de Rincón é "profundamente crítico", diz médico

O ex-jogador colombiano Freddy Rincón, que sofreu um acidente de carro na segunda-feira, segue internado em estado "profundamente crítico", e exames mostram que sua evolução não foi favorável, disse o médico Laureano Quintero nesta quarta-feira. O pronunciamento ocorre após a divulgação de um comunicado que inforamando que o ex-atleta está com "manejo ventilatório, hermodinâmico e sob monitoramento permanente".

Veja abaixo galeria de fotos de Rincón:


— A condição segue profundamente crítica. Os seguimentos, os estudos radiológicos e a condição clínica não mostram uma evolução favorável — afirmou o médico. — Sua condição e sua criticidade são extremas. O prognóstico continua muito reservado. Seguiremos com todas as medidas pertinentes. E deve ser claro que a evoluçaõ não é favorável e que a condição continua extremamente crítica — ressaltou.

Pouco mais cedo, a clínica Imbanaco, onde Rincón está internado, soltou um boletim atualizando sobre as condições do ex-jogador, que foi submetido a exames no cérebro.

"O paciente continua em estado crítico, com manejo entilatório, hermodinâmico e sob monitoramento permanente, mas sua evolução não foi favorável. Como até o momento e de acordo com sua evolução clínica, atualizaremos da maneira oportuna a informação sobre seu estado de saúde", diz o comunicado.

Família
Um dos filhos do ex-jogador publicou em suas redes sociais nesta terça-feira uma foto segurando a mão do pai enquanto ele está deitado. Sebastian Rincón, que também é jogador de futebol, ainda agradeceu as orações e mensagens de apoio.

"Aqui seguimos firme, meu velho", escreveu Sebastian na legenda da foto, em que é possível vê-lo de mãos dadas com Rincón deitado em uma cama.

O outro filho de Rincón, Freddy Steven, disse a jornalistas nesta terça-feira que a família está bem unida e com fé de que seu pai vai "se levantar".

Leia Também

— Estamos muito positivos diante da situação.Sei que não é fácil, mas lá em cima tem um Deus que pode tudo. A última coisa que temos é perder a fé e a esperança — afirmou.

Os médicos que acompanham a recuperação do ex-jogador informaram ontem que realizariam exames no cérebro do ídolo corinthiano para determinar "os passos a seguir". A clínica disse ainda que o estado de saúde permanece crítico e que seu prognóstico é "reservado".

Familiares, fãs e autoridades participaram de uma corrente de oração nesta terça-feira em prol da recuperação de Rincón, que recebeu uma série de mensagens de apoio, incluindo de seus ex-clubes e da seleção colombiana.

Acidente
O carro SUV em que Rincón estava colidiu contra um ônibus de serviço público na madrugada desta segunda-feira em um cruzamento entre as vias Carrera 34 e Rua Quinta. A suspeita é de que o condutor do veículo tenha desrespeitado a sinalização do semáforo.

Ao todo, cinco pessoas ficaram feridas. Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram que o veículo em que estava o ex-jogador foi atingido na parte direita e ficou bastante danificado. O ônibus também teve sua dianteira destruída. Ainda não se sabe o que provocou o acidente. A suspeita é de que o carro tenha desrespeitado o semáforo vermelho.

O ex-jogador de futebol também sofreu outro acidente grave em 2013, quando perdeu o controle do carro que dirigia na estrada que liga os municípios de Buga e Andaluzia, no sudoeste do país.

Ídolo no Corinthians
Rincón foi campeão mundial com o Corinthians em 2000, três anos após chegar ao clube. Atuando como volante, ele também conquistou dois campeonatos brasileiro e um estadual com a camisa do Timão. O ex-jogador participou de três Copas do Mundo pela Colômbia. Atualmente, atuava como comentarista esportivo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários