Cristiano Ronaldo demoliu nova construção ilegal em Portugal
Reprodução/Instagram
Cristiano Ronaldo demoliu nova construção ilegal em Portugal

Com risco de ser julgado em um novo processo por construções ilegais, Cristiano Ronaldo deu início à demolição dos  anexos de uma mansão que possui perto de Gerês, no norte de Portugal. Os materiais retirados das demolições serão doados para famílias carentes da região.


O atacante do Manchester United cumpriu a promessa de derrubar uma quadra de tênis e um anexo para empregados, que deveriam ser demolidos até março de 2022.  Em setembro, o jogador português já havia sido forçado a demolir uma marquise de vidro, que não tinha no seu imóvel em Lisboa.

A mansão, situada junto ao rio Cavado e perto da zona termal do Gerês, teria sido vendida por Cristiano Ronaldo ao seu companheiro de seleção e ex-jogador do Real Madrid, Pepe, há dois anos. Entretanto, o imóvel ainda constava no nome de CR7 como dono.

"Foi uma decisão voluntária de Cristiano Ronaldo que deverá servir de exemplo a outros proprietários da região", disse um representante de Terras de Bouro, região no qual pertence Gerês.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários