Tamanho do texto

Musa paraguaia, que marcará presença na Copa América deste ano, falou com a exclusividade com a reportagem do iG Esporte

Modelo paraguaia Larissa Riquelme
Arquivo pessoal
Modelo paraguaia Larissa Riquelme

Quem não se lembra do surgimento de Larissa Riquelme na Copa do Mundo de 2010, realizada na África do Sul, quando a bela paraguaia aparecia torcendo fervorosamente pela seleção do seu país com um aparelho celular no decote, entre os seios.

Leia também: Veja como será a Cerimônia de Abertura da Copa América, no Morumbi

Larissa Riquelme  se tornou um fenômeno, ficou conhecida como a musa daquele Mundial e ainda carrega a fama de quando apareceu para o mundo, há nove anos.

O tempo passou e, agora em 2019, ela está de volta. Mas num estilo bem mais comportado. Em entrevista exclusiva ao iG Esporte , a paraguaia de 34 anos de idade revelou que estará no Brasil para Copa América e se mostrou bastante empolgada por retornar à sua "segunda casa".

"Vou viver essa emoção, essa adrenalina, essa paixão, a combinação perfeita entre beleza e futebol. Saio na terça-feira (18) aqui do Paraguai, faço uma escala em São Paulo e depois vou para Belo Horizonte. Vou com minha mãe a convite de empresas muito grandes na qual eu já trabalho há muitos anos, que vão me patrocinar", contou.

Modelo paraguaia Larissa Riquelme
Arquivo pessoal
Modelo paraguaia Larissa Riquelme

Larissa estará presente no estádio do Mineirão para acompanhar o duelo entre Paraguai e Argentina, na segunda rodada da competição. Ela pretende seguir em território brasileiro nos dias posteriores e acompanhar o jogo do seu país diante da Colômbia, em Salvador.

"O que eu mais gosto é poder recordar isso depois de nove anos. Para mim é importante, me emociona, ms sinto feliz, contente. É uma Larissa nova, renovada, mais madura, uma "namorada" mais madura e mais gostosa. É como diz o ditado: quanto mais velho o vinho, mais saboroso ele é, mais rico", brincou a musa.

Leia também: Larissa Riquelme está de volta como "namorada" de time; veja fotos da musa

Atualmentem Larissa Riquelme trabalha como modelo publicitária e "digital influencer" em redes sociais, representando várias marcas internacionais e nacionais. E também está em um programa de televisão chamado "KP", que na tradução seria algo como "amigo", que vai ao ar aos sábados e domingos no Paraguai.

Larissa Riquelme%2C musa da Copa do Mundo de 2010
Divulgação
Larissa Riquelme, musa da Copa do Mundo de 2010

"Estou trabalhando demais, por isso faço poucas viagens. Tanto que me divido em pequenos pedacinhos. E por isso estou bastante feliz de poder voltar à minha segunda casa, que é o Brasil. Eu sou apaixonada pelo Brasil. Eu adoro quando os brasileiros falam o português", disse, sorrindo.

"Estou feliz porque confiaram na minha imagem, confiaram em mim, confiaram em Larissa Riquelme. E para mim é algo importante. É uma grande satisfação poder viver isso, ainda mais torcendo pela minha seleção. O coração vai bater forte por Paraguai. Fico encantada", continuou.

No passado, Larissa chegou a posar nua em algumas revistas masculinas - inclusive no Brasil, como Playboy e Sexy -, mas ultimamente adotou um estilo mais reservado. "Quando eu falo de uma Larissa mais madura, eu falo de uma Larissa muito mais gostosa", avisou.

"Mas sigo sendo a Larissa de sempre. Hoje me considero com um corpo melhor, me sinto mais linda que antes. Nas minhas redes sociais, como eu trabalho com empresas grandes, é capaz de eu não expor muito o corpo. Mas continuo sendo sensual e sexy", garantiu.

Nos passos de Larissa

Modelo paraguaia Larissa Riquelme
Divulgação/Playboy
Modelo paraguaia Larissa Riquelme

Depois do sucesso que Larissa Riquelme conquistou na Copa de 2010, algumas modelos pelo mundo tentaram seguir os passos da paraguaia, tentando ganhar fama em cima de alguma competição importante. 

Leia também: Candidatas a 'musa da Copa' desafiam o ridículo para ser nova Larissa Riquelme

"Muitas tentaram se sobressair aproveitando o futebol, imitando, talvez, a ação que eu fiz inconscientemente em 2010. Obviamente que foi viral, saiu em todas as mídias, me elegeram a musa do mundial. E, depois disso, muitas tentaram seguir os mesmos passos. Mas acho que nenhuma delas conseguiu causar tanto rebuliço como eu causei", comentou.

"Sinceramente, acho que marquei história na questão de beleza no futebol. E eu fico feliz com isso, porque muitas meninas viram que tinham potencial em querer ser Larissa Riquelme. Algumas até se auto-intitulam: 'Eu sou musa disso, daquilo'. Mas não é um concurso de beleza, é simplesmente sentir a paixão que se tem por um clube ou uma seleção. Algumas dessas meninas nem sabem quantos jogadores entram em campo", brincou.

Modelo paraguaia Larissa Riquelme
Reprodução
Modelo paraguaia Larissa Riquelme

Segundo Larissa, estourar para o mundo do jeito que aconteceu foi importante até para ajudar seus familiares. 

"Espero que eu siga marcando essa tendência e essa paixão, que, no meu caso, me levou para cima, onde pude proporcionar uma vida melhor para minha família e mostrar o amor que tenho pelo Paraguai. Foi um sonho cumprido", contou.

"Desejo muita sorte ao Brasil na Copa América. É um dos times mais fortes do mundo, como a história mostra e isso vai acontecer sempre. Espero que vá bem e que, em algum momento, encontrei o Paraguai na competição. O jogo entre meus dois amores, Paraguai e Brasil", finalizou Larissa Riquelme .

    Leia tudo sobre: Futebol