torcedor liverpool
Reprodução

O torcedor do Liverpool de 23 anos bebeu demais e se envolveu em confusão com policiais

A comemoração pelo título do Liverpool na Liga dos Campeões, no último sábado (01), rendeu uma história curiosa com uma família inglesa.

Leia também:  Gabigol revela contato e aprova Jorge Jesus no Fla: "Todo mundo gosta dele"

Negus Macauley, um torcedor do Liverpool de 23 anos, foi dado como desaparecido pela família. O inglês tinha viajado com o pai para a Espanha a fim de acompanhar a decisão entre os Reds e o Tottenham, mas não retornou para casa no domingo e nem entrou em contato com os familiares.

De acordo com o jornal Daily Mirror , a família Macauley chegou a divulgar fotografias em redes sociais para que alguém pudesse identificá-lo e entrar em contato. Amigos também ajudaram a entrar em contato com hospitais e delegacias. Mas o verdadeiro paradeiro de Negus surpreendeu os parentes.

Segundo a imprensa espanhola, o jovem foi detido em Madrid extremamente embriagado por desordem e desobediência às autoridades. Negus estava tão alterado que não conseguia nem se identificar, por isso seu nome não apareceu entre os registros públicos quando os familiares ligaram.

Você viu?

“Dois policiais municipais o viram deitado semi-nu e aparentemente inconsciente na rua Goya, no centro de Madrid, por volta das duas da manhã de domingo”, relatou um oficial. “Eles foram ajudá-lo, mas ele estava muito bêbado e reagiu mal ao socar e chutar os dois policiais que sofreram ferimentos leves”.

Leia também:  Mulher que acusa Neymar de estupro entregou imagens à polícia; entenda

Negus se identificou para a polícia espanhola como Mac Kullen. “A polícia tinha um relatório de pessoas desaparecidas, mas a razão pela qual os policiais não perceberam que ele era o homem que foi preso foi porque ele deu a eles um nome incorreto como resultado do estado em que ele estava”, finalizou o guarda.

A família Macauley já encontrou Negus, mas ele permanece preso. Segundo a lei espanhola o atentado contra a autoridade policial pode render uma sentença de um a quatro anos de prisão. Porém, como essa é a primeira infração do inglês na Espanha e se a sentença for menor de dois anos, ele pode ser liberado.

Leia também:  Com homenagem a Gaudí, Barcelona lança uniforme para temporada 2019/20

 O caso foi parar num tribunal de Salamanca e o torcedor do Liverpool será interrogado por um juiz. A embaixada britânica está acompanhando a história.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários